Séries

Netflix não quer política nos programas do casal Obama

Segundo Ted Sarandos, diretor de conteúdo da empresa, "não é a rede" do casal formado por Michelle e Barack

Agência O Globo

A revista "Variety" divulgou hoje uns poucos detalhes a respeito do acordo entre Netflix e o casal Michelle e Barack Obama, contratado semana passada para produzir alguns programas para a rede de streaming.

Segundo o responsável pela área de conteúdos da Netflix, Ted Sarandos, não haverá nada de política na programação assinada pelo casal. O executivo foi bem enfático:

– Não é a rede dos Obama – disse ele, recomendando que o público aguarde um pouco mais. – Os programas não terão cunho político.

Sarandos reforçou que o acordo com o casal foi destinado à área de entretenimento, incluindo vídeos e shows de TV, além de séries documentais. O acordo teria sido fechado em US$ 65 milhões, segundo a "Variety".

Em fevereiro, o diretor financeiro da plataforma de streaming disse /a> em conferência que o investimento em conteúdo chegará a US$ 8 bilhões em 2018.