Cinema

Nove filmes podem entrar em cartaz nesta semana; saiba quais

Quer saber se o longa que você quer assistir está pode entrar em cartaz nesta semana? Então confira a lista!

Redação iBahia (agenda@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O mês de julho tem em seu cronograma de estreias diversos filmes que estão sendo esperados. Quer saber se o longa que você quer assistir está previsto para entrar em cartaz na quinta-feira (6)? Então confira a lista!


'Homem-Aranha: De Volta ao Lar' ('Spider-Man: Homecoming')
Sinopse:
Depois de atuar ao lado dos Vingadores, chegou a hora do pequeno Peter Parker (Tom Holland) voltar para casa e para a sua vida, já não mais tão normal. Lutando diariamente contra pequenos crimes nas redondezas, ele pensa ter encontrado a missão de sua vida quando o terrível vilão Abutre (Michael Keaton) surge amedrontando a cidade. O problema é que a tarefa não será tão fácil como ele imaginava.


'Cada Vez Mais Longe'
Sinopse: Foi na década de 70 que começou o processo de assoreamento da Baía de Sepetiba, e isso por causa da implantação da Zona industrial. Isaura (Branca Messina) e João (Fernando Alves Pinto) vivem na pacata região. Ela faz e desfaz um crochê, alegando que é sua única distração naquele lugar. e ele, pescador, promete trazer todos os peixes do mundo caso ela pare com essa mania. Mas João é obrigado a ir cada vez mais longe nesta busca, e Isaura segue esperando por ele, em meio à solidão.


'As Aventuras do Pequeno Colombo'
Sinopse:
Ainda crianças, Leonardo da Vinci, Cristovão Colombo e Mona Lisa participam de uma sociedade secreta e descobrem fatos ignorados pela ciência medieval. Tentando salvar sua família da falência, Cris convence os amigos a irem com ele até uma ilha repleta de tesouros. No meio da viagem, no entanto, eles são atacados pela fera Nautilus.


'Monsieur & Madame Adelman'
Sinopse:
Por mais de 45 anos, Sarah (Doria Tillier) e Victor (Nicolas Bedos) estiveram juntos. Como eles conseguiram isso? Quem realmente é Sarah, essa mulher enigmática que sempre viveu na sombra do seu marido? Amor, ambição, traição e segredos alimentam a odisséia deste casal incomum.


'Os Pobres Diabos'
Sinopse:
Esta comédia narra as viagens do Gran Circo Teatro Americano pelo sertão nordestino. Na cidade de Aracati, é montada uma peça sobre a crise no inferno. A trama rocambolesca, inspirada na literatura de cordel, mostra a chegada do bandido Lamparina no inferno, e a participação de Lúcifer no capitalismo internacional. Nos bastidores, amores e tragédias movimentam a vida da trupe.


'Perdidos em Paris' ('Lost In Paris')
Sinopse:
Fiona (Fiona Gordon) é uma bibliotecária canadense que recebe uma carta misteriosa de Martha (Emmanuelle Riva), uma tia distante. Na carta, ela pede que a sobrinha viaje imediatamente a Paris, para evitar que seja internada em um asilo. Sem ter a menor ideia do que está acontecendo e nem mesmo onde a sua tia se encontra, Fiona viaja até a cidade e começa a buscar sua parente distante.


'Poesia Sem Fim' ('Poesía Sin Fin')
Sinopse:
Autobiografia do diretor Alejandro Jodorowsky que homenageia através da sua história a herança artística do Chile. Durante a juventude do artista chileno, ele se libertou de todas as suas amarras, como família e limitações, e foi introduzido no principal círculo artístico bohêmio dos anos 1940 no Chile, onde conheceu promissoras pessoas do ramo que se tornariam reconhecidas no século XX.


'Soundtrack'
Sinopse:
Decidido a realizar uma exposição de arte, o fotógrafo Cris (Selton Mello) viaja até uma estação de pesquisa polar para se isolar e tirar selfies que capturem as sensações causadas por uma série de músicas pré-selecionadas. No local, ele conhece o botânico brasileiro Cao (Seu Jorge), o especialista britânico em aquecimento global Mark (Ralph Ineson), o biólogo chinês Huang (Thomas Chaanhing) e o pesquisador dinamarquês Rafnar (Lukas Loughran). Os cinco precisam conviver juntos e descobrem diferentes perspectivas sobre a vida e arte.


'Viagem Através do Cinema Francês'
Sinopse:
O diretor francês Bertrand Tavernier realiza, neste filme, um verdadeiro passeio pelas memórias, pelas glórias e pelas histórias da cinematografia francesa, analisando de maneira íntima, profunda e apaixonada o trabalho de diretores como Jean Renoir, Jean Vigo, François Truffaut, Max Ophuls, Robert Bresson e também a obra de cineastas menos conhecidos. Todos eles possuem uma coisa em comum nas suas obras: a capacidade de criar emoções verdadeiras através do cinema.