Música

Pablo revela detalhes para o Carnaval e fala sobre fotos no Instagram

Cantor foi uma das participações na "Terça da Bênção", ensaio de verão do Olodum, no Pelourinho

Luan Guimarães* (luan.guimaraes@redebahia.com.br)
- Atualizada em


Outra atração que marcou presença no ensaio do Olodum, realizado nesta terça-feira (11), no Largo Tereza Batista, no Pelourinho, foi o cantor Pablo. Em entrevista concedida ao iBahia, o cantor, que participou pelo terceiro ano do evento, falou sobre a importância do Olodum para a Bahia

"O olodum representa a nossa cultura, não só para a Bahia, mas para o Brasil e o mundo inteiro. O Olodum desenvolve um trabalho grandioso e pra mim foi uma grande honra estar fazendo parte mais uma vez. O Olodum representa a musicalidade, a música baiana", disse.


Carnaval também foi um assunto comentado por Pablo, que garantiu não adotar o ritmo elétrico em seu repertório, como fizeram outras bandas como Seu Maxixe e Aviões do Forró. "A gente vai fazer o nosso show romântico na Avenida, como é o quinto ano que a gente já faz. A galera comparece em massa. Muitas pessoas perguntam: 'vai ter Pablo elétrico?', eu digo não! (risos). Vai ser Pablo mesmo, a galera arrochando, as músicas de romantismo na Avenida. Esse ano vai ser maravilhoso, porque cada ano que passa, a gente aprende mais", garantiu.

Ele ainda contou qual será o itinerário da banda durante a folia momesca. "Vamos fazer o 'Alô Inter', no sábado; domingo no Camarote do Harém e segunda-feira no Bloco 'Traz a Massa!', que é mais para a galera, principalmente para o pipocão!", avisou, antes de dizer que não deve promover grandes surpresas durante a semana carnavalesca.

"Esse ano está um pouco complicado para os colegas de trabalho, porque eles também estão tocando. Mas assim, vamos interagindo um com o outro. Já fiz um convite para vários amigos que vão puxar bloco também. Se coincidir e eles tiverem uma folguinha, vou participar do show deles e eles do meu. Já falei com Léo Santana, Xanddy, a própria Ivete, essa galera toda que a gente sempre está interagindo musicalmente", antecipou.

O cantor falou, inclusive, sobre o seu Instagram, excluído após uma polêmica ser criada em torno das suas fotos (principalmente as que ele aparece praticando exercícios na academia).


"Eu não tenho muita prática com essa coisa de Instagram. Minha produtora que fez isso pra mim e eu postei uma foto na academia. Assim, houve muitos comentários positivos e alguns negativos, mas eu ainda não aprendi a lidar com essa coisa de redes sociais. Tenho orgulho de dizer que sou do interior, vim da roça, não gosto muito dessa coisa de ver ou ouvir críticas pela internet. Prefiro evitar. Resolvi excluir e a vida continua normal, eu não me estresso", assegurou aos risos.


*Com supervisão e edição de Aline Caravina