TV

Paredão triplo do ‘BBB 19’ coloca Rodrigo e Maycon em duelo; Tereza é coadjuvante

A diferença de resultado entre os dois, no entanto, tem mudado a todo tempo

Agência O Globo

A disputa entre Rodrigo, Maycon e Tereza, no paredão do “BBB 19”, está acirradíssima! Mas, apesar de o paredão ser triplo, o que acontece é um duelo entre os homens. A diferença de resultado entre os dois, no entanto, tem mudado a todo tempo.

Foto: Divulgação

Educador, ator, autor e defensor dos direitos humanos, Rodrigo, de 40 anos, não foge de um debate, principalmente quando o assunto está relacionado a causas sociais, como racismo, machismo e homofobia.

— É um paredão em que o pensamento retrógrado, alienado, machista e homofóbico está contra o posicionamento de militância, representado por Rodrigo. Ele agrega muito para a sociedade. Estamos focados na votação oficial, e acredito no resultado favorável ao meu irmão, assim como na transformação da sociedade. Vai ter luta! — defende Fábio França, que acrescenta: — Se ele sair, a contribuição dele, num programa de televisão, para a melhoria da sociedade, terá sido cumprida.

A mãe de Maycon Santos, de 27, por sua vez, tenta amenizar as polêmicas em que o filho se envolveu dentro do programa dizendo que “foi só uma brincadeira de mau gosto”. E aposta na permanência dele na disputa.

— Acho que essas brincadeiras (falar que perdeu a virgindade com uma bezerra e que acha normal amarrar bombinha no rabo de gato) não atrapalham o jogo. Ele é um menino bom. O que é lá dentro é aqui fora — defende Rozana Santos.

Apesar de o paredão ser protagonizado por duas pessoas impopulares entre o público, Tereza, de 53 anos, segue como lanterna nessa competição, mesmo sendo a mais rejeitada pelos colegas de confinamento.

— A vida toda ela passou por episódios de rejeição, e essa necessidade de aceitação fica mais potente lá dentro — pondera Teresa Padilha, amiga da sister, que completa: — A honestidade é um ponto positivo dela.

Caso de polícia

Após pedirem ajuda ao Juizado Especial Criminal de Niterói e à Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente para que Maycon seja investigado por apologia a maus-tratos a animais e zoofilia, ativistas dos direitos dos animais recorreram ao Ministério Público para que o participante saia do programa e seja intimado a depor na 32ª DP (Taquara), onde já há inquérito aberto. Maycon é ainda citado numa apuração sobre intolerância religiosa dentro do programa.

Tereza: Por ser a mais velha da casa, a psicanalista é sempre deixada de lado nas provas em dupla, principalmente quando a disputa exige rapidez. A busca incessante por ser aceita dentro do jogo fez dela, muitas vezes, uma participante chata e preocupada demais com a opinião alheia. Com isso, a pernambucana não se entrega no jogo. Assim, deixou de conquistar boa parte do público com seu carisma.

Maycon: Fanfarrão e galanteador, o mineiro começou o jogo prometendo ser o protagonista de uma história de amor com Isabella. Com a entrada de Elana no meio da história, a trama ganhou contornos mais instigantes. Mas ele se perdeu, ficando sem nenhuma das duas e, pior, falando de assuntos delicados e reafirmando que não mudará seus pensamentos.

Rodrigo: Militante dos direitos humanos, Rodrigo já provou que suas posturas condizem com o que pensa. Acontece que o tom professoral das suas conversas — ainda que necessárias —, fizeram o carioca cair no estereótipo de um cara desconectado com a proposta de entretenimento do programa. Fora que ele passa boa parte do tempo deitado.