Cinema

Por que Robert Pattinson se encaixa perfeitamente no papel de Batman

Ator já participou de filmes como "Bom Comportamento" (2017) e "Z: A cidade perdida" (2017)

Agência, O Globo

Robert Pattinson nem teve oportunidade de lacear o uniforme do Batman e já estão colocando reparo na escolha dele para viver o sombrio e atormentado herói no cinema. Uma injustiça, já que o ator inglês, que foi bruxo na série de filmes "Harry Potter" e vampiro na franquia "Crepúsculo", tem idade, experiência, physique du rôle (aspecto físico apropriado para um determinado papel) e, mais importante para a indústria, uma ampla base de fãs para encarar o desafio com folga.

Na verdade, Pattinson ainda não foi oficialmente confirmado. A "Variety", publicação que cobre a indústria audiovisual americana, noticiou que as negociações estão avançadas. Outros veículos, como "Deadline" e "The Hollywood Report", destacam que as conversas com a Warner, produtora da nova série de filmes, ainda estão em andamento. O estúdio ainda estaria considerando os nomes de Nicholas Hoult, Armie Hammer e Aaron Taylor-Johnson. De todos eles, só Hammer é americano.

Depois das franquias que o lançaram ao estrelato, Pattinson investiu em filmes com perfil cult. Um desses trabalhos, a ficção futurista "Cosmópolis" (2012), no qual faz o papel de um jovem milionário que atravessa Nova York para cortar o cabelo e pensa que seus negócios podem estar ameaçados, é frequentemente citado como uma de suas melhores atuações. Outros títulos nos quais trabalhou e são boas referências de seu trabalho, independentemente da direção, são "Bom Comportamento" (2017) e "Z: A cidade perdida" (2017).

Aos 33 anos de idade, Pattinson também se encaixa perfeitamente no que seria um reinício do personagem no Universo Cinematográfico da DC. Outro britânico famoso por interpretar o Homem-Morcego, Christian Bale, debutou como o herói aos 31 anos de idade, com "Batman begins" (2005), de Christopher Nolan. Bale e Michael Keaton, que encarnou o personagem sob a batuta de Tim Burton, são talvez os melhores de toda a história.

Foto: Reprodução

O projeto, "The Batman", foi herdado por Matt Reeves, o diretor de "O planeta dos macacos", de Ben Affleck. O ator americano, que acumularia o papel e a direção, abandonou tanto o desenvolvimento do roteiro quanto o personagem.

Há apenas rumores sobre a trama, que ainda está em desenvolvimento. Sabe-se apenas que o novo arco narrativo gira em torno de uma história noir e pede um perfil mais jovem para o herói. Reeves declarou ainda que vai investir em uma galeria de vilões e não apenas em um deles.

Pattinson está prestes a rodar outro filme para a Warner, o novo projeto de Christopher Nolan, co-estrelado por John David Washington, com lançamento previsto para julho de 2020.