Cinema

Saiba tudo sobre 'X-men: Fênix Negra', o último episódio da franquia dos mutantes

Sophie Turner, a Sansa Stark da série Game of Thrones, interpreta Jean Grey no filme que estreia nesta quinta-feira (6)

Agência, O Globo

Com estreia nesta quinta-feira (6), "X-Men: Fênix Negra", de Simon Kinberg, o último episódio da franquia dos mutantes no cinema, trazendo a ameaça mais poderosa que os heróis já enfrentaram: o lado sombrio de Jean Grey (Sophie Turner). Parcialmente baseado nas HQs de Chris Claremont e John Byrne, a trama remonta ao ano de 1992 (ano em que os quadrinhos X-Men foram relançados com novos figurinos e um novo desenho animado), quando os X-Men, vistos como heróis pela sociedade, são enviados a uma missão para resgatar astronautas em uma situação de perigo. Confira algumas curiosidades da próxima aventura do Universo Marvel.



Ave de rapina em chamas

Nas HQs, Força Fênix é uma manifestação das forças cósmicas de vida, criação e destruição. Sua forma frequentemente é de uma uma ave de rapina em chamas. É mais poderosa do que muitos dos deuses no Universo Marvel e é muito versátil, escolhendo hospedeiros mortais nos quais se incorporar. O mais famoso deles foi Jean Grey.

Wolverine fora de cena

Este será o primeiro filme de X-Men a não apresentar ou fazer referência a Logan / Wolverine ou ao ator que o interpreta, Hugh Jackman. Isso porque Jackman se aposentou do papel.

Sophie Turner estudou doenças mentais

Foto: Divulgação

Em entrevista à Agência EFE, Simon Kinberg destacou a pesquisa feita pela atriz - a Sansa Stark de "Game of Thrones" - sobre várias doenças mentais antes de rodar o filme.

"Sophie estudou livros, artigos e vídeos de YouTube sobre a esquizofrenia e outros transtornos mentais para que construísse o personagem partindo de algo real", contou o diretor.

Este é o terceiro filme da franquia de filmes X-Men, no qual Jean Grey se torna Phoenix. Em X-Men: O Final Confronto (2006), Jean Grey ( Famke Janssen ) retornou como Phoenix depois que ela ficou para trás para permitir que o X-Jet voasse e escapasse de uma inundação de água, afogando-a em X-Men 2 (2003). Ela também se tornou a Fênix no final de X-Men: Apocalipse (2016).

Disney e nova franquia X-men

"X-Men: Fênix Negra" será o primeiro filme distribuído pela Walt Disney Pictures depois de ter fechado a compra da 20th Century Fox junto com todas suas licenças em 2018. O longa será o último filme da franquia de filmes X-Men e há rumores de que a franquia de filmes X-Men será reiniciada. A Disney também é dona da Marvel Studios.

Relação antiga

"Fênix Negra" encerra ciclo de quase 20 anos de filmes dos X-Men, e o diretor Simon Kinberg participou de todos os filmes desde 2006 como produtor ou roteirista. Não é a primeira vez que a saga da Fênix Negra chega aos cinemas. A história é a base de "X-Men: O Confronto Final", de 2006.

A volta de Michael Fassbender e James McAvoy

Foto: Divulgação

Michael Fassbender está de volta como Magneto, assim como James McAvoy reaparece como o Professor Xavier. "É muito difícil recusar um filme com Simon dirigindo", completou Fassbender numa rede social. Este é o quarto filme que James McAvoy teve que raspar a cabeça, sendo os três primeiros X-Men: Apocalypse (2016), Split (2017) e Glass (2019).

Lado negro

Como outros filmes de quadrinhos Superman III (1983). Homem-Aranha 3 (2004) e X-Men: O Último Stand (2006), este filme é sobre um super-herói sucumbindo ao seu lado negro para se tornar um personagem do mal.

Spoiler no trailer



Não chega a ser um spoiler, já que está até no trailer do filme. Mas, para quem tinha esperanças, Kinberg deixou bem claro que a personagem de Jennifer Lawrence, Mística, desaparece no começo do longa.

Outros mutantes

Também na trama: Ciclope, Tempestade, Mercúrio e Noturno, além de Groxo e Tatuado.

Final de novo ‘X-Men’ teve de ser regravado

O filme terminou de ser gravado em 2017, mas por conta das alterações, só foi concluído oficialmente no fim de 2018.

Trilha para super-heróis

Hans Zimmer decidiu se aposentar da composição de filmes de super-heróis depois de ter trabalhado em partituras para Batman, Superman, Mulher Maravilha e Homem-Aranha, mas Simon Kinberg o convenceu a trabalhar neste filme. Hans Florian Zimmer é um compositor alemão, conhecido por seus trabalhos com trilha sonoras de vários longas.