Música

Tiago Iorc some mais ma vez por quase um ano após polêmicas com ex-empresário e Anavitória

Dois meses depois de reaparecer, em maio do ano passado, cantor abandonou as redes e voltou a sumir

Agência O Globo

Em maio do ano passado, Tiago Iorc fez a alegria dos fãs ao retornar de um exílio nos EUA, após 1 ano e meio longe de tudo e de todos. Na ocasião, o cantor lançou um álbum e chegou a divulgar o novo projeto em programas de TV. Dois meses depois, ele abandonou as redes e voltou a sumir. Seu último post no Instagram foi feito em 13 de julho, o que tem deixado os fãs com saudade e preocupados.

Desta vez, o sumiço aconteceu após um imbróglio com seu ex-empresário, o produtor musical Felipe Simas, que cuida da carreira de Ana Vitória e Manu Gavassi. A confusão ocorreu no passado, após Tiago acusar Felipe de sabotar sua carreira, fazendo tê-lo um grande prejuízo financeiro.

A acusação de Tiago Iorc contra o ex-empresário aconteceu após a dupla Anavitória revelar numa live em junho do ano passado, que o cantor não queria liberar a dupla de regravar a música "Trevo", da qual ele é coautor, em um novo projeto delas.

Após Tiago gravar um vídeo detonando Felipe Simas, o empresário, então, abriu um processo contra ele. Tiago foi condenando a pagar R$ 50 mil por danos e foi indiciado por violação de direito de expressão. A Justiça também determinou que o cantor fizesse uma retratação pública, além de retirar das redes sociais o vídeo em que ataca seu ex-empresário.

Na época, a relação do cantor com Anavitória ficou estremecida. Eles chegaram a trocar farpas nas redes. Em julho, ele contou ao "Programa do Bial" que já havia liberado a música para a dupla regravar, mas que o processo para que isso ocorra era lento.