Futebol

Após goleada para o Barcelona, Lopetegui é demitido pelo Real Madrid

Enquanto um nome de peso não é anunciado pelo clube merengue, a equipe profissional será comandada interinamente

Agência O Globo

Em comunicado oficial publicado nesta segunda-feira, o Real Madrid anunciou a demissão do técnico espanhol Julen Lopetegui. A gota d’água foi a derrota de 5 a 1 para o maior rival, Barcelona, que aconteceu neste domingo, no Camp Nou, pelo Campeonato Espanhol.

Enquanto um nome de peso não é anunciado pelo clube merengue, a equipe profissional será comandada interinamente por Santiago Solari, comandante do Castilla.

O italiano Antonio Conte era o favorito da diretoria do Real Madrid para o lugar de Lopetegui, mas, ao que parece, ele rejeitou a proposta. Roberto Martínez, técnico da seleção da Bélgica, surge como a principal opção.

Com Lopetegui, o Real Madrid chegou a ficar cinco jogos sem vencer, sendo quatro derrotas. Se recuperou com uma vitória magra na Liga dos Campeões, mas voltou a decepcionar ao enfrentar o forte Barcelona.

Os jogadores do Real Madrid, vale ressaltar, estavam do lado de Lopetegui. O capitão Sergio Ramos, por exemplo. Em entrevista concedida após o clássico, ele afirmou que não trocaria de treinador.

"A diretoria do Real Madrid, reunida hoje (dia 29 de outubro de 2018), decidiu rescindir o contrato do técnico Julen Lopetegui com o clube.

Esta decisão, tomada com a máxima responsabilidade, tem como objetivo mudar a situação em que se encontra o time principal, quando ainda são alcançáveis todos objetivos da temporada.

A diretoria entende que existe uma grande desproporção entre a qualidade do elenco do Real Madrid, que conta com oito jogadores nomeados para a próxima Bola de Ouro, e os resultados obtidos até o momento.

Será substituído interinamente por Santiago Solari, que comandará a equipe a partir de amanhã", disse a diretoria merengue no comunicado.

Lopetegui comandou o Real Madrid em apenas 14 jogos oficiais com seis vitórias, dois empates e seis derrotas. Ele deixou a seleção da Espanha antes da Copa do Mundo para assumir o clube merengue.

O Real Madrid volta a campo nesta quarta-feira para enfrentar o Melilla, fora de casa, pela Copa do Rei.