Futebol

Atletas do Inter aceitam queda caso rodada final seja cancelada

Grupo reuniu a imprensa para "desfazer mal-entendido" sobre a tragédia da Chapecoense

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O grupo do Inter reuniu a imprensa nesta sexta-feira (2) para afastar um "mal-entendido" após o comunicado de quinta-feira. O meia Alex disse que os atletas teriam sido orientados pela direção para tomar a atitude anterior e reiterou que a decisão foi feita em comum acordo entre o elenco, segundo informações do GloboEsporte.com. Além disso, o jogador garantiu que, caso não haja a 38ª rodada e o campeonato seja encerrado, aceitam o rebaixamento.

"Se for o caso de acabar o campeonato e a gente for rebaixado, vamos aceitar porque fizemos por merecer", afirmou o colorado à imprensa.

"Queria reiterar, até porque ficou um mal-entendido daquilo que a gente imaginava que tinha ficado claro. A gente não quer cancelar o campeonato nem melar o último jogo, tanto que falei em respeito a todos os envolvidos (na tragédia). Se tiver, vamos jogar. Nada se compara ao sentimento. Disseram que a gente veio porque a diretoria nos pediu, obrigou. Isso não existe. A gente pôde expor aquilo que a gente tem sentido. No momento que existiu a dúvida se o Inter se permitia ser rebaixado, a gente nunca se omitiu por esse campeonato horrível que a gente fez. A intenção era a sensibilidade do momento. Se todo mundo propusesse que não houvesse jogo, o Inter ia continuar ali (na tabela) e aceitar tudo que for decidido", completou o meia.

O representante dos jogadores também disse aceitar as condições que forem detalhadas pela entidade máxima do futebol nacional, a CBF.