Mais Esportes

Baiano Bino Lopes é eliminado logo na estreia, no Havaí

Surfista baiano corre risco de sair da zona de acesso ao WCT

Redação Correio 24h
O baiano Bino Lopes foi eliminado logo em sua estreia na etapa de Alii Beach, no Havaí, e pode ficar em situação complicada no Qualifying Series (QS), divisão de acesso à elite do surfe mundial.Bino ficou em último lugar na sua bateria, a primeira da terceira fase, realizada na madrugada desta terça-feira (15) no Brasil – fim da tarde de segunda no Havaí. O baiano não conseguiu encaixar boas manobras e fez um somatório de 8,47.Campeão mundial do WCT em 2015, o paulista Adriano de Souza, o Mineirinho, estava na mesma bateria e, com 13,46, acabou em terceiro lugar e também foi eliminado. O espanhol Gony Zubizarreta (14,63) e o australiano Mitch Crews (13,67) avançaram à quarta fase.
As demais baterias da terceira fase continuarão nesta terça, a depender das condições do mar. Devido ao fuso horário de sete horas, a próxima chamada ocorrerá às 14h45 no horário da Bahia. A etapa de Alii Beach é a penúltima da temporada e vale 10.000 pontos no ranking do QS. Bino começou a etapa em sétimo lugar na classificação geral, sendo que os dez primeiros disputarão o WCT em 2017. Com a eliminação precoce, o baiano deve perder posições. O pernambucano Ian Gouveia (6º lugar), os paulistas Jesse Mendes (10º) e Deivid Silva (11º) e o catarinense Tomas Hermes (12º) são os outros brasileiros com mais condições de chegar ao WCT.

A última etapa do ano será em Sunset Beach, também no Havaí, de 24 de novembro a 6 de dezembro. O último surfista baiano que disputou o WCT foi Armando Daltro, em 2004. 
Correio24horas