Futebol

Barcelona vai se afastar de Ronaldinho por apoio a Bolsonaro

Ronaldinho e Rivaldo são embaixadores mundiais estão presentes em uma série de partidas amistosas e eventos que levam a marca do Barça

Redação Goal
- Atualizada em

O Barcelona não ficou nada satisfeito com o posicionamento dos eternos craques Ronaldinho Gaúcho e Rivaldo. Os dois ex-jogadores declararam apoio ao candidato à presidência da República, Jair Bolsonaro, e o fato, segundo o jornal catalão Sport, veículo muito próximo do clube, causou irritação e revolta no Barça.
O Barcelona vê os valores expostos pelo candidato como incompatíveis às ideias do clube. O discurso do candidato sobre negros, homossexuais e mulheres tem sido avaliado pela comunidade internacional como de extrema-direita. A compreensão do político com a ditadura militar brasileira também incomoda entidades como o clube catalão, símbolo de resistência ao governo militar de Francisco Franco que marcou por décadas a Espanha com sua repressão e autoritarismo.

Ronaldinho e Rivaldo são embaixadores mundiais dos Blaugranas e estão presentes em uma série de partidas amistosas e eventos que levam a marca do Barça ao redor do mundo. Por entender que ambos estão defendendo ideias que vão contra o que prega o clube, a diretoria pretende, segundo o Sport, se desvencilhar aos poucos da dupla. Não há previsão, no entanto, de que o Barcelona vá se posicionar publicamente sobre o caso. 

Ronaldinho e Rivaldo são apenas alguns dos jogadores brasileiros que se posicionaram a favor da candidatura de Jair Bolsonaro, causando surpresa na comunidade futebolística internacional. Nos últimos tempos, Lucas, atacante do Tottenham, também se manifestou neste sentido e recebeu muitas críticas pelo posicionamento.