Copa 2018

Caso chegue à final, artilheiro da Copa poderá ter a escolha mais difícil da vida

Nascimento do segundo filho está previsto para 15 de julho, data da final da Copa do Mundo

Agência O Globo

O atacante Harry Kane tem uma situação problemática e tanto pela frente caso consiga levar a seleção da Inglaterra para a final da Copa do Mundo. Artilheiro da competição, o inglês tem tido um desempenho expecional em campo e se preocupado com um fator importante fora dele. Sua mulher, Katie Goodland, está grávida do segundo filho e o nascimento está previsto para 15 de julho — data marcada para a final do Mundial na Rússia.

A noiva foi forçada por questões médicas a ficar nas terras britânicas e tem acompanhado o desempenho do jogador do Tottenham à distância. De casa, ela ergueu uma tenda no jardim, apelidada de "wagwam" e garante que está acompanhando as partidas com a filha do casal, Ivy, e os amigos.


Com o hat-trick de Kane no jogo contra Panamá, Katie fez uma festa para comemorar o feito. O problema, para os fãs, é que a festa também foi do chá de bebê do filho que está por vir. De acordo com o jornal inglês Mirror, a gravidez certamente não aguentará até além da Copa.

Por isso, a preocupação de alguns torcedores começa a surgir nas redes sociais. Os ingleses temem que o capitão da seleção inglesa e artilheiro da competição precise sair da Rússia caso Katie entre em trabalho de parto durante o torneio. Resta esperar.