Copa 2018

Cavani marca dois e coloca Uruguai nas quartas de final da Copa

Em grande jogo em Sochi, Cavani brilha e garante a vitória da Celeste na próxima fase; França será o próximo adversário nas quartas

- Atualizada em

A Celeste está nas quartas de final da Copa do Mundo da Rússia. Neste sábado, em Sochi, a seleção de Óscar Tabárez encarou Portugal pelas oitavas de final do Mundial em um dos duelos mais aguardados desta fase. Diante do atual campeão europeu, a seleção sul americana fez um grande jogo e venceu o duelo por 2 a 1, gols marcados por Cavani (2) e Pepe.

O Uruguai volta a campo na próxima sexta-feira para encarar a França, nas quartas de final da Copa do Mundo. O duelo será realizado em Nizhny Novgorod, às 11h.

O jogo
O jogo começou quente em Sochi. Logo aos cinco minutos, Cristiano Ronaldo apareceu pela primeira vez e arriscou o chute da intermediária. Muslera foi bem e segurou firme a bola no meio do gol. O Uruguai respondeu aos sete minutos. Cavani puxou o contra-ataque pela direita, inverteu o jogo na esquerda com Suárez e entrou na área para receber o cruzamento no segundo poste. Meio sem jeito, de peito, o centroavante desviou e abriu o placar para o time Celeste.

Atrás no marcador, Portugal veio para cima em busca do empate. Aos 10, José Fonte desviou de cabeça a cobrança de escanteio, mas mandou ao lado da trave de Muslera. Aos 22, Suárez cobrou falta da intermediária no canto esquerdo e Rui Patrício caiu para salvar o segundo da Celeste. Nos acréscimos, Cavani recebeu na ponta esquerda, dominou, mas finalizou mal, na rede pelo lado de fora.

A seleção de Fernando Santos voltou apertando o Uruguai que recuou a marcação passando a apostar nos contra-ataques. Melhor para Portugal que aos 10 minutos empatou com Pepe. Após escanteio cobrado pela direita, Pepe subiu sozinho no meio da área para testar firme, sem dar chances para Muslera.

O gol acordou a seleção uruguaia que voltou a sair para o jogo. Aos 17, Mulera quebrou a bola para o campo de ataque, Bentancur dominou e rolou para a chegada de Cavani na entrada da área pela ponta esquerda. O camisa 21 chegou finalizando cruzado, com categoria, para anotar um lindo gol, deixando novamente a Celeste na frente.

Aos 25, Muslera errou ao tentar segurar a bola e deu um presente para Bernardo Silva. O meia dividiu com o goleiro, ganhou a bola, mas acabou finalizando por cima do gol. Nos minutos finais, Portugal veio para o tudo ou nada, mas acabou esbarrando na forte marcação uruguaia.