Mais Esportes

Cyborg defende cinturão contra Holly Holm neste sábado (30), no UFC 219

Outros dois brasileiros luatarão hoje: Edson Barboza e Matheus Nicolau

Fernanda Varela, Correio 24 horas (fernanda.varela@redebahia.com.br)
Quem acompanha o UFC durante o ano inteiro terá um duelo de honra antes da virada do ano. Neste sábado (30), a partir das 21h, duas feras do MMA disputam o cinturão peso pena na edição 219 do evento. De um lado, a brasileira Cris Cyborg; do outro, a americana Holly Holm.
(Foto: Divulgação/UFC)
Considerada uma das lutadoras mais completas do mundo, Cyborg sabe que o duelo contra a multicampeã de boxe e ex-detentora do título do peso galo do UFC não será fácil. 
“Vai ser incrível. Preciso estar preparada para tudo. Tenho muitas coisas no meu jogo que as pessoas não conhecem. Holly Holm será um grande desafio para mim, porque o jogo dela é muito diferente. Treinei muito, estou pronta”, declarou a curitibana, que prevê um duelo cheio de trocações. 
“Ela tem ótimo boxe. Espero poder trocar com ela e fazer um grande espetáculo para os fãs. Mas também sei que tenho cinco rounds e vou fazer o que for preciso para vencer. Treinei muito minha parte de jiu-jitsu e wrestling. Se precisar ir para o chão, eu vou”, completou a brasileira, que se tornou campeã do peso pena em julho deste ano.
Não é só a mulherada que vai ter a torcida dos brasileiros. No peso leve, Edson Barboza duelará com o russo Khabib Nurmagomedov, pelo card principal. No preliminar, Matheus Nicolau enfrenta o americano Louis Smolka no peso mosca.