Futebol

De novo? Namorada trai ex-jogador do Chelsea com companheiro de Seleção

Caroline Lijnen admitiu que teve um caso com o goleiro enquanto namorava o compatriota Kevin De Bruyne, em 2013. Os dois disputaram a Copa pela Bélgica

- Atualizada em

Redação Goal
O Chelsea não parece ser o local mais propício para se manter relacionamentos. Depois do famoso caso da traição de John Terry com a mulher de Wayne Bridge, e de Ashley Cole confessar que também traiu a esposa durante a sua passagem pelo clube, dessa vez foi o caso de Thibaut Courtois se envolver em uma polêmica de infidelidade. Caroline Lijnen, em entrevista ao Daily Mail, da Inglaterra, admitiu que, enquanto namorava o ex-Blues Kevin De Bruyne, se relacionou com o goleiro belga.
De Bruyne (esquerda) e Courtois atuaram juntos na Copa do Mundo realizada no Brasil

O jovem não é mais jogador do time inglês, já que está no Wolfsburg, da Alemanha. No ano passado, Courtois também não jogava pelo Chelsea, apesar de pertencer ao clube (ele estava no Atlético de Madrid). Os dois, então, não foram exatamente companheiros de clube, mas sim de seleção. Eles vieram ao Brasil e jogaram a Copa do Mundo pela Bélgica - o goleiro titular incontestável, e o meia uma das peças mais utilizadas por Marc Wilmots do banco de reservas.

De Bruyne e Caroline namoraram por três anos, mas, em 2013, ela viajou para Madri e, durante a estadia na capital espanhola, conheceu o goleiro, que a convidou para jantar. Os dois acabaram se envolvendo, mas ela não se arrependeu, já que, como revela na entrevista, o jovem também tinha aprontado antes.

"Kevin já havia me traído. Eu não disse nada por meses, porque eu não podia. Os pais de Kevin afirmaram que tomariam medidas legais se eu desse a minha versão dos fatos. Eu estava sob pressão e eu não poderia ter contato com Kevin", disse. "No verão de 2012, Kevin me contou que teve um caso com a minha melhor amiga. Eu lhe dei a escolha: ela ou eu. Eu estive pronta para lhe dar outra chance, mas nossa relação nunca mais foi a mesma depois daquilo", explicou Caroline.

Ela também falou sobre como conheceu Courtois: "Eu fui para Madrid e, na ocasião, até mesmo o Kevin pensou que aquela viagem seria uma boa ideia para nós. Eu lhe perguntei de antemão. Mas, aí, aconteceu algo que nunca deveria ter acontecido. Naquela noite, Thibaut me ofereceu o que eu não tinha recebido durante um relacionamento de três anos com Kevin. Com Thibaut, eu poderia falar sobre tudo e qualquer coisa e ele tinha até me preparado uma refeição deliciosa. Kevin nunca fez isso por mim”, afirmou.

Porém, engana-se quem acredita que os dois jogadores não se falam. Segundo o assessor de imprensa do meia, Stefan van Loock, os dois tiveram problemas, mas já se acertaram.

"Nós não negamos que houve problemas particulares entre Thibaut Courtois e Kevin De Bruyne. Kevin ficou arrasado quando soube da notícia. Mas eu falei com os dois, e ambos confirmaram que este caso está encerrado. Eles pararam de brigar. Os caras falam de novo um com o outro e já até fazem piadas novamente", revelou o assessor.