Futebol

Do 'estamos criando um monstro' à acusação de estupro: relembre polêmicas de Neymar

Jogador coleciona controvérsias no Santos, no Barça, no PSG e na seleção

Agência O Globo

Às véspera das da Copa América, Neymar se vê envolvido em novo episódio controverso: o jogador está sendo acusado de estupro por uma brasileira com quem manteve relações sexuais em Paris. O caso, que levou o camisa 10 a se defender em um vídeo nas redes sociais, é o episódio mais recente de uma série de polêmicas em sua carreira.
 

Foto: Lucas Figueredo/CBF

Relembre algumas delas:

  • 'Estamos criando um monstro'

Durante partida do Brasileirão de 2010 contra o Atlético-GO, na Vila Belmiro, Neymar discutiu com o técnico Dorival Júnior — que viria a ser demitido — após ser impedido por ele de cobrar um pênalti. Em entrevista após o jogo, o comandante do time rival à época, Renê Simões, disparou: 'Estamos criando um monstro no futebol brasileiro'.

  • 'Juiz ladrão' para Ricci

Após uma derrota do Santos para o Vitória, no Campeonato Brasileiro de 2010, Neymar usou a internet para ofender o árbitro Sandro Meira Ricci. "Juiz ladrão, vai sair de camburão", escreveu o jogador em uma postagem. Ricci processou Neymar e recebeu R$ 15 mil de indenização.

  • Cabeçada em Murillo

Na Copa América de 2015, Neymar foi expulso após dar uma cabeçada no colombiano Murillo durante uma discussão no gramado e pegou quatro jogos de suspensão. O brasileiro reclamou de perseguição da arbitragem e escreveu, nas redes sociais, que ia "aparecer um bando de babaca para falar m...".


  • Xingamentos no ouro olímpico

Vídeos divulgados após o ouro olímpico no Maracanã mostram Neymar xingando torcedores que estavam no estádio. O jogador precisou ser contido por seguranças após "ir para cima" dos fãs na arquibancada.

  • Problemas com a Receita

Neymar e seu pai foram acusados por fraude fiscal na Espanha e tiveram parte dos bens bloqueados entre 2011 e 2013. Em 2017, eles chegaram a um acordo para pagar ao fisco do país cerca de R$ 8 milhões. Já no Brasil, a Receita Federal cobra multa de R$ 69 milhões, e Neymar pai até se reuniu com o presidente Jair Bolsonaro, em abril, para tratar do tema.

  • Briga com companheiro no treino

Em sua última temporada em Barcelona, Neymar quase foi às vias de fato com o português Nelson Semedo, após este fazê-lo uma falta dura durante um treino. "Obviamente mexeu comigo. Tinha acabado de chegar, e um dos jogadores mais influentes da equipe entrou em conflito comigo depois de um lance de treino normal", desabafou Semedo tempos depois.

  • Disputa com Cavani por pênaltis

O histórico polêmico acompanhou Neymar no PSG. Logo na chegada, ele se desentendeu com Cavani sobre quem seria o cobrador de pênaltis do time. De acordo com veículos da imprensa local, o episódio provocou um racha no vestiário, do qual o uruguaio era um dos líderes. Irritada, a torcida chegou a vaiar o brasileiro.

  • Piada internacional na Copa

A fama de "cai cai" acompanha Neymar desde o início da carreira, mas foi durante a Copa do Mundo da Rússia, que o brasileiro se tornou piada a nível mundial por conta dos rolamentos e das caras e bocas nos gramados.

  • Suspensão na Champions

Fora do confronto decisivo contra o Manchester United pela Liga dos Campeões, em abril deste ano, Neymar usou as redes sociais para atacar a arbitragem após a eliminação de seu time. Como consequência, recebeu um gancho de três partidas, a serem cumpridas na próxima temporada.

  • Soco em torcedor

Em abril, Neymar deu um soco em um torcedor que provocou o brasileiro e outros jogadores do PSG após a derrota para o Rennes na final da Copa França. "Ninguém tem sangue de barata", escreveu o camisa 10 ao admitir o erro uma rede social. Por esse ato, foi suspenso por três jogos.

  • Confusão com Draxler

Os ecos da derrota para o Rennes foram ouvidos no vestiário. De acordo com o "Le Parisien", Neymar discutiu com Draxler e precisou ser contido pelo técnico Thomas Tüchel. O motivo: o alemão teria chamado o brasileiro de individualista, e o brasileiro, replicado: "Quem é você para falar comigo assim? O único que sabe fazer é dar passe para trás".