Mais Esportes

Família de Schumacher entra na Justiça contra revista; advogado diz que ele não anda

Notícias sobre o estado de saúde do ex-piloto são raras

Agência O Globo

A família de Michael Schumacher entrou com uma ação na Justiça alemã contra a revista “Bunte”, que informou que o ex-piloto já estava conseguindo andar. Segundo o advogado que defende o caso, Felix Damm, o heptacampeão mundial "infelizmente não se levanta, nem com a ajuda de terapeutas", conforme noticiou o jornal britânico “Daily Mirror”.


De acordo com o advogado, a família do piloto decidiu processar a publicação por dano moral para que nenhum boato sobre Schumacher seja espalhado.


– Toda especulação é irresponsável, porque isso traz seríssimos problemas, e a privacidade é muito importante para Michael – afirmou.


As notícias sobre o estado de saúde do alemão são raras. Na última vez que a porta-voz da família, Sabine Kehm, falou à imprensa, ela contou que Schumacher apresentava situação "muito complicada".


– Michael não vai desaparecer. A situação privada é tão complicada que lamentavelmente não se pode revelar nada. É preciso que compreendam – afirmou ao jornal alemão “Kolner Express”.


Schumacher sofreu uma grave lesão na cabeça em um acidente de esqui nos Alpes Franceses, em dezembro de 2013. Segundo o “Daily Mail”, no início deste ano o atleta chorou ao ouvir as vozes de seus filhos e começou a reconhecer rostos. Após meses em coma e internado no hospital, o heptacampeão segue em tratamento sigiloso na sua casa, na Suíça.