Futebol

Flamengo x River Plate: o que esperar da final da Libertadores

Decisão em jogo único acontece às 17h deste sábado (23)

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

É hora da decisão. Depois de dez meses e um dia de competição, a Libertadores 2019 vai ser decidida neste sábado (23), na cidade de Lima, capital do Peru. Para a primeira final da competição em jogo único, um duelo Brasil e Argentina: Flamengo e River Plate disputam o trófeu da competição mais importante das Américas.

Histórico
A final de 2019 é a 15ª realizada entre brasileiros e argentinos. Os hermanos levam a melhor no retrospecto: nove vitórias contra cinco. Na última vez que os dois países decidiram a competição, melhor para o Brasil e Grêmio campeão em cima do Lanús, em 2017. O River esteve em uma dessas finais e também perdeu, para o Cruzeiro, em 1976.

Flamengo chega confiante pelo desempenho de Jorge Jesus
Perto de confirmar o título brasileiro, o Flamengo chega bem credenciado para buscar o troféu da Libertadores. O time não chegava a final desde 1981, quando conquistou pela primeira e única vez a América. Após classificação complicada na fase de grupos e nas oitavas de final, quando precisou ir para os pênaltis contra o Emelec, o rubro-negro sobrou a partir dali e eliminou Internacional e Grêmio, este último com goleada de cinco a zero no jogo do Rio de Janeiro.

O técnico Jorge Jesus conta com o que tem de melhor para a disputa. Artilheiro do brasileirão, Gabriel lidera também a estatística na competição continental e é esperança de gols dos cariocas. São 33 jogos do português no comando do Fla, com apenas duas derrotas (Bahia, pela série A, e Emelec, nas oitavas da Libertadores), um aproveitamento de 78%.

Foto: Alexandre Vidal/Flamengo/Divulgação

Provável escalação: Diego Alves, Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luis; Willian Arão, Gérson e Arrascaeta; Éverton Ribeiro, Bruno Henrique e Gabriel;

Continuidade de Gallardo é arma do River
Se de um lado o Flamengo busca o bicampeonato e o primeiro título da "era Jesus", o River Plate tem um técnico que quer o tricampeonato do torneio continental a frente dos Millionarios. Marcelo Gallardo chegou ao clube em 2014 e conquistou, além das duas Libertadores (2015 e 2018), três Recopas Sulamericanas, além de copas na Argentina. O sucesso é tão grande que Gallardo começa a ser especulado como próximo comandante do Barcelona, e com aval de Messi.

Após eliminar o arquirrival Boca Juniors na semifinal e ganhar do mesmo na final da Libertadores passada, o River pode ser bicampeão consecutivo pela primeira vez na história. Alguns dos pilares do time são o goleiro Armani, titular da seleção argentina na última Copa América, e Enzo Pérez, meia com grande experiência na Europa.
Foto: Divulgação/River Plate

Provável escalação: Armani, Montiel, Martínez Quarta, Pinola e Casco; Enzo Pérez, Ignacio Fernandez e Palacios; Borré, de la Cruz e Matías Suárez;

FICHA TÉCNICA
Flamengo x River Plate - final da Libertadores da América
Data: 23/11
Horário: 17h
Local: Lima, Peru
Arbitragem: Roberto Tobar (CHI)
FLAMENGO
Provável escalação: Diego Alves, Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luis; Willian Arão, Gérson e Arrascaeta; Éverton Ribeiro, Bruno Henrique e Gabriel;
RIVER PLATE
Provável escalação: Armani, Montiel, Martínez Quarta, Pinola e Casco; Enzo Pérez, Ignacio Fernandez e Palacios; Borré, de la Cruz e Matías Suárez;