Futebol

Haja emoção: todos os jogos da 38ª rodada da Série A terão algo em disputa

Título, vaga na Taça Libertadores, na Sul-Americana, rebaixamento... Tudo será definido apenas no domingo, às 17h

Ivan Dias Marques (ivan.marques@redebahia.com.br)

No nono ano consecutivo do Campeonato Brasileiro por pontos corridos pouco se ouviu aquela história de que "com final, é mais disputado". Ao fim de 37 das 38 rodadas, o amante do futebol parece entender que esta é a fórmula mais justa para se consagrar um campeão nacional.


Este modelo, já utilizado em campeonatos europeus e na Argentina há muitos anos, sofreu críticas quando foi adotado pela primeira vez, em 2003, por não contar com o tradicional mata-mata, que garantia a final entre dois clubes. Mas mesmo sem final, este ano terá emoção até o último minuto, pois todas as partidas da derradeira rodada da Série A terão algo em disputa. Com a decisão da CBF de reservar os maiores clássicos regionais - e no mesmo horário, às 17h - como último jogo de cada equipe, a prática de 'entregar' a partida para prejudicar um rival deliberadamente parece abolida do Brasileirão.


Assim, em 2011, serão duas finais: Corinthians x Palmeiras e Vasco x Flamengo, com o título em jogo para os alvinegros do Rio e de São Paulo. Para o Flamengo vale se garantir na Libertadores de 2012 e não deixar o rival ser campeão. Ou vice-versa. Já o Palmeiras, sem mais nada a disputar, só pensa em impedir o Corinthians de chegar ao pentacampeonato. Além do Porco, que garantiu uma vaga na Copa Sul-Americana, apenas Fluminense e Santos (ambos já na Libertadores), Grêmio (na Sul-Americana) e América-MG e Avaí (rebaixados) não têm mais pretensões na 38ª rodada.