Lyoto Machida admite doping e é excluído de luta deste sábado

Lutador brasileiro iria enfrentar Dan Henderson, pelo UFC

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Não adiantou toda a sua preparação para enfrentar o americano Dan Henderson. O brasileiro Lyoto Machida foi pego no exame antidoping, dias antes da luta do UFC Tampa, que irá acontecer no próximo sábado (16). O brasileiro admitiu ter tomado uma substância proibida fora do período de competições e precisou ser retirado do card principal.

Foto: Divulgação

Segundo um comunicado oficial emitido pela marca, a organização foi alertada nesta quarta-feira (13) pela USADA (Agência Norte-Americana Antidoping), entidade que controla os exames antidoping para o UFC, que o lutador brasileiro havia utilizado uma substância irregular fora do período de competições e declarou ao órgão a infração na hora da coleta da amostra que seria analisada. Com isso, Henderson fica à espera do anúncio de um novo adversário. Esta seria a revanche dele contra Lyoto, que ganhou o primeiro combate dos dois, no dia 23 de fevereiro de 2013. Henderson se pronunciou em sua conta no Twitter, ofendendo o brasileiro. "Pedaço de mer*. Sem respeito", escreveu.