Copa 2018

Marketing da derrota: marcas fazem campanha com eliminação do Brasil na Copa

Ambev, Itaú, Vivo e Coca criaram ações nas redes sociais após eliminação de Neymar & Cia

Bruno Rosa, de Agência O Globo

Com a eliminação da seleção brasileira da Copa do Mundo, ao perder para a Bélgica nas quartas-de-final, a publicidade reagiu rápido. Diversas marcas recorreram às redes sociais para demostrar seu apoio por Neymar & Cia, com emoção e tristeza. Algumas peças ressaltaram ainda que o Brasil é o único penta campeão mundial. E já renovaram a torcida para o hexa no Catar, em 2022.

A Ambev, que montou uma equipe de cerca de 35 pessoas, o que inclui três agências de publicidade, para criar conteúdos diários atrelados aos desempenhos das seleções durante o Mundial, criou um vídeo em que aparece uma de seus latas com um lágrima escorrendo e um coração partido.

Já o Guaraná Antarctica, também da Ambev, brincou com o chamado "textão" nas redes sociais. A marca disse "Foi suado, foi! Foi intenso, foi verdadeiro. E continuaremos apoiando! O único time penta campeão mundial é Original do Brasil. E esse time a gente não abandona jamais. Rumo ao hexa. E o Catar é logo ali". A marca usou a palavra "original" em alusão ao seu mote publicitário.

O Itaú, que assim como a Ambev é patrocinadora da seleção, também pegou carona na eliminação e enviou mensagens de apoio e esperança. O banco usou as redes sociais para fazer uma brincadeira com a blusa da Seleção, na qual a esperada sexta estrela deu lugar a um coração. A instituição financeira ainda disse "o sentimento nunca vai mudar. Acreditar".

A Vivo também foi rápida. Patrocinadora da seleção brasileira, a empresa líder em telefonia no país cravou: "Jogar junto é ter orgulho sempre. Valeu Brasil!".

A Coca-Cola, patrocinadora do mundial, fez uma alusão com uma garrafa vazia, com o mote "De repente, bate aquele vazio". Mas a empresa ainda manda uma mensagem de apoio: "Se hoje bateu um vazio, é pra lembrar que amanhã podemos dar um gás de novo. Juntos".


Veja publicações: