Futebol

Neymar pede desculpa ao elenco do PSG por confusão, diz jornal

Zagueiro e capitão Thiago Silva ajudou o colega na tradução

Neymar pediu desculpas para o elenco do PSG por conta da polêmica com Cavani no duelo do último domingo contra o Lyon. A informação é do jornal francês L’Èquipe que revelou que o brasileiro teve uma reunião com todo o elenco nesta quinta-feira para tratar do assunto que dominou as manchetes esportivas na França durante toda a semana.

A publicação ainda indicou que o zagueiro e capitão do PSG, o brasileiro Thiago Silva, serviu como tradutor de Neymar para os companheiros.

O pedido de desculpas do camisa 10 do PSG se deve primeiro a uma cobrança de falta que o uruguaio tentou bater e que Daniel Alves não deixou e Neymar acabou ficando com a bola. Depois, o brasileiro pediu ao uruguaio para cobrar um pênalti, mas não teve seu desejo atendido. Além disso, o atacante uruguaio e o brasileiro teriam se desentendido nos vestiários após o jogo por conta dos lances.

Nesta quinta-feira o treinador, Unai Emery, participou de coletiva de imprensa e foi novamente questionado sobre a polêmica. O espanhol, porém, não deixou claro quem será o primeiro batedor nem se haverá uma prioridade fixa para um dos jogadores ou os dois se alternarão em tal papel a cada jogo.

“Nós sabemos a importância dos pênaltis, são uma grande responsabilidade. Muitos jogadores querem assumir essa responsabilidade, um momento importante do jogo. O primeiro e mais importante é a responsabilidade. Os jogadores que estão aptos a bater os pênaltis são Cavani e Neymar, porque eles têm a responsabilidade. Antes, o jogador que batia era Cavani, agora Neymar chegou e temos os dois. Tomamos a decisão será assim. A decisão será minha, de acordo com o momento e a importância do jogo” disse o treinador.

O PSG volta aos gramados neste sábado para enfrentar o Montpellier, fora de casa, pelo Campeonato Francês.