Futebol

Neymar perde faixa de capitão da seleção; Tite escolhe Daniel Alves

Perda da capitania na seleção se dá após Neymar ter dado um soco em um torcedor do Rennes

Agência O Globo

A faixa de capitão na seleção brasileira mudará de braço. Neymar deixará de ostentar a capitania nos amistosos contra Qatar e Honduras e na Copa América. O sinal da liderança voltará ao lateral-direito Daniel Alves.

Segundo a CBF, a decisão foi comunicada por Tite a Neymar no sábado. Após o treino do domingo, o treinador conversou com Daniel Alves para informá-lo de sua escolha.

Foto: Reprodução

A perda da capitania na seleção se dá após Neymar ter dado um soco em um torcedor do Rennes na premiação da final da Copa da França, quando o PSG saiu derrotado.

Na convocação para a Copa América, Tite tinha prometido uma conversa com o camisa 10. O assunto, inclusive, incomodou o treinador, que se recusou a responder frequentemente sobre o assunto na coletiva.

Daniel Alves seria o capitão do Brasil na Copa do Mundo da Rússia, ano passado. Só que o experiente jogador, atualmente com 36 anos, foi cortado do Mundial por conta de uma lesão no joelho.

Essa foi a segunda passagem de Neymar como capitão fixo da seleção. A primeira ocorreu ainda na passagem de Dunga como técnico e foi interrompida após o ouro olímpico, em 2016. Tite encerrou o rodízio da faixa em setembro do ano passado, na esperança de que Neymar amadurecesse após a conturbada passagem pela Rússia. Mas o resultado não foi o esperado.

Os jogadores da seleção brasileira estão de folga tiveram folga desde domingo até a noite desta segunda-feira. Dani Alves é esperado nesta terça na Granja Comary para se juntar ao período de treinos dos comandados por Tite para a Copa América.