Futebol

Saiba como foi a estreia de CR7 na Juventus pelo Italiano

Todos os olhares estavam apontados em direção ao cinco vezes vencedor da Bola de Ouro, mas o craque português não conseguiu balançar as redes

Agência O Globo

Apesar de não marcar em sua estreia, o português Cristiano Ronaldo comemorou a primeira vitória com a Juventus, neste sábado, ao derrotar o Chievo por 3 a 2 na primeira rodada do Campeonato Italiano.

Todos os olhares estavam apontados em direção ao cinco vezes vencedor da Bola de Ouro, mas o craque português não conseguiu balançar as redes — no Real Madrid sua média foi de mais de um gol por jogo.

Mesmo sem marcar, CR7 teve uma boa atuação. Jogou a maior parte do tempo como centroavante, mas saía da área para ajudar na organização. E não fez o gol por falta de tentativa: terminou com oito finalizações, algumas defendidas pelo goleiro Sorrentino. Na etapa final, depois que Mandzukic entrou, passou para a esquerda, onde também levou perigo.

Duas viradas

A Juventus saiu na frente com gol do alemão Khedira logo aos três minutos do primeiro tempo, mas o polonês Stepinski empatou aos 38.

Na volta do intervalo, o time da casa virou de pênalti com Giaccherini, aos 11 minutos, mas Mattia Bani empurrou para as próprias redes para empatar o duelo, aos 30. A vitória só veio nos acréscimos da segunda etapa, com Bernardeschi conseguindo a virada aos 48.

A estreia de CR7 na liga italiana teve uma curiosidade: o português iniciou sua caminhada no novo time no mesmo estádio onde o argentino Maradona fez seu primeiro jogo no Calcio, em 1984, pelo Napoli.

A comparação entre ambos foi frequente nas últimas semanas na Itália, pouco acostumada a ter entre seus atletas o “melhor jogador do mundo”. O estádio Bentegodi tinha muitos torcedores com a camisa 7 do astro português.