Futebol

Tite tem segundo maior salário de técnico na Copa de 2018; veja ranking completo

Treinador brasileiro fica atrás de Joachim Löw, comandante da Alemanha

Agência O Globo
Os salários dos jogadores de futebol sempre chamam a atenção quando são revelados. Agora, quanto recebem os treinadores das seleções que vão disputar a Copa do Mundo de 2018, na Rússia? A “Zoomin TV”, conglomerado de mídia e entremetimento que nasceu na Holanda, divulgou os valores recebidos por cada um dos 32 treinadores do Mundial. O técnico Joachim Löw, da Alemanha, lidera com o vencimento mais alto: 3,8 milhões de euros (cerca de R$ 16 milhões) anualmente.
Em segundo lugar, aparece o técnico Tite, da seleção brasileira, que recebe apenas 400 mil euros a menos que o treinador alemão: 3,4 milhões de euros (cerca de R$ 14,5 milhões). O valor é o mesmo que o ex-jogador Didier Dechamps, atual comandante da França, também embolsa anualmente.
Para fechar o top 5 de salários mais altos, Julen Lopetegui, da Espanha, recebe 2,9 milhões de euros, enquanto Stanislav Cherchesov, da Rússia, garante 2,5 milhões de euros.
O que chama muito a atenção é a lista dos técnicos que recebem menos. Allou Cissé, do Senegal, é o último colocado e recebe apenas 200 mil euros (cerca de R$ 852 mil) para comandar a equipe. O valor é 19 vezes menos do que recebe Löw. O técnico da Polônia, Adam Nawalka, o segundo que menos ganha um bom salário, só garante 268 mil euros.
A empresa alemã foi contratada para difundir uma lista que no último Mundial foi feita pela Forbes, que colocou Luiz Felipe Scolari, do Brasil, como o mais bem pago na Copa de 2014, seguido por Fabio Capello, da Rússia, e Joachim Löw, da Alemanha. Dos três, apenas o último permaneceu no cargo.
Confira a lista com o salário anual dos 32 técnicos da Copa do Mundo de 2018:
1- Joachim Löw (Alemanha): 3,8 milhões de euros (cerca de R$ 16 milhões)
2- Tite (Brasil): 3,4 milhões de euros (cerca de R$ 14,5 milhões)
2- Didier Deschamps (França): 3,4 milhões de euros (cerca de R$ 14,5 milhões)
4- Julen Lopetegui (Espanha): 2,9 milhões de euros (cerca de R$ 12,3 milhões)
5- Stanislav Cherchesov (Rússia): 2,5 milhões de euros (cerca de R$ 10,5 milhões)
6- Fernando Santos (Portugal): 2,18 milhões de euros (cerca de R$ 9,3 milhões)
7- Carlos Queiroz (Irã): 1,9 milhão de euros (cerca de R$ 8 milhões)
7- Gareth Southgate (Inglaterra): 1,9 milhão de euros (cerca de R$ 8 milhões)
9- Jorge Sampaoli (Argentina): 1,77 milhão de euros (cerca de R$ 7,54 milhões)
10- Óscar Tabárez (Uruguai): 1,7 milhão de euros (cerca de R$ 7,25 milhões)
11- Hector Cuper (Egito): 1,5 milhão de euros (cerca de R$ 6,4 milhões)
11- Jose Peckerman (Colômbia): 1,5 milhão de euros (cerca de R$ 6,4 milhões)
13- Juan Pizzi (Arábia Saudita): 1,4 milhões de euros (cerca de R$ 5,96 milhões)
14- Bert van Marwijk (Austrália): 1,17 milhão de euros (cerca de R$ 4,98 milhões)
15- Ricardo Gareca (Peru): 1,1 milhão de euros (cerca de R$ 4,7 milhões)
16- Juan Osorio (México): 1 milhão de euros (cerca de R$ 4,26 milhões)
17- Age Hareide (Dinamarca): 925 mil euros (cerca de R$ 3,94 milhões)
17- Akira Nishino (Japão): 925 mil euros (cerca de R$ 3,94 milhões)
17- Roberto Martínez (Bélgica): 925 mil euros (cerca de R$ 3,94 milhões)
20- Vladimir Petkovic (Suíça): 845 mil euros (cerca de R$ 3,6 milhões)
21- Herve Renard (Marrocos): 778 mil euros (cerca de R$ 3,3 milhões)
22- Helmir Hallgrimsson (Islândia): 697 mil euros (cerca de R$ 3 milhões)
23- Zlatko Dalic (Croácia): 546 mil euros (cerca de R$ 2,3 milhões)
24- Gernot Rohr (Nigéria): 497 mil euros (cerca de R$ 2,1 milhões)
25- Janne Andersson (Suécia): 448 mil euros (cerca de R$ 1,9 milhão)
25- Shin Tae-Young (Coreia do Sul): 448 mil euros (cerca de R$ 1,9 milhão)
27- Hernán Gómez (Panamá): 398 mil euros (cerca de R$ 1,7 milhão)
28- Nabil Maaloul (Tunísia): 348 mil euros (cerca de R$ 1,48 milhão)
28- Oscar Ramírez (Costa Rica): 348 mil euros (cerca de R$ 1,48 milhão)
30- Mladen Krstajic (Sérvia): 298 mil euros (cerca de R$ 1,27 milhão)
31- Adam Nawalka (Polônia): 268 mil euros (cerca de R$ 1,1 milhão)
32- Allou Cissé (Senegal): 200 mil euros (cerca de R$ 852 mil)