Futebol

Vasco cede empate ao Icasa, mas garante acesso à Série A

Nilson faz o gol de empate contra o Cruz-maltino no Maracanã, mas não evita queda da equipe cearense para Série C

- Atualizada em

Redação Goal
Não foi com o show esperado e nem com a vitória, mas o Vasco está de volta à elite do futebol brasileiro. Neste sábado (22), no Maracanã, a equipe comanda por Joel Santana saiu na frente com Kleber no primeiro tempo, mas cedeu o empate na etapa final ao com Icasa, que com o resultado foi rebaixado para Série C do Brasileirão. Apesar do resultado, o time cruz-maltino garantiu o acesso sobre vaias da torcida no final da partida.

Com o resultado, o Vasco, que está na 3ª posição da tabela, chega aos 63 pontos e não pode mais ser ultrapassado por Avaí, com 57 pontos; Boa Esporte, 4º colocado com 59 pontos e Atlético Goianiense, com 56 pontos. Todos estão fora do G-4, mas ainda ameaçavam o time carioca.

O Icasa, por outro lado, chegou aos 40 pontos e deu adeus às chances de permanecer na Série B. Com uma rodada restante, os cearenses ocupam o 18º lugar, com três pontos e duas vitórias a menos que América-RN e Bragantino, que aparecem logo à frente na tabela.

O Jogo
O Vasco começou a partida pressionado o time cearense com muita intensidade, mas os cariocas paravam nas ótimas defesa do goleiro do Icasa, Busatto. O Cruz-maltino chegou com Kleber de voleio, Maxí Rodriguez, de fora da área, Thalles na pequena área e Douglas em rebote, mas todos os lances foram defendidos pelo goleiro da equipe.

Depois dos 15 minutos iniciais, o Vasco diminuiu o ritmo e quase levou o primeiro gol. Aos 22 minutos, Júnior fez bela jogada pela esquerda, cruzou, a bola passou por Martín Silva e Nilson, que por pouco não tocou para o fundo das redes. No lance seguinte, Martín Silva defendeu um chute à queima roupa de Mauri.

De repente, em um lance de bola parada, Douglas levantou a bola na área do Icasa e, sozinho, Kleber cabeceou para o gol, abrindo o placar no Maracanã. Com o tento, o Vasco melhorou na partida, mas não conseguiu ampliar o resultado antes do fim do primeiro tempo.

Se a primeira etapa começou com o Vasco pressionando, no segundo tempo a equipe de Joel Santana estava mais sonolenta. O Icasa aproveitou. Logo aos 10 minutos, Guiñazu perdeu em disputa de bola com Nilson, que arriscou de fora da área. A bola saiu cheia de veneno e acertou o ângulo de Martín Silva, que nada pôde fazer.

O gol fez a equipe cearense acreditar no resultado e ir para cima do Vasco. O time carioca sentiu e não conseguia mais mostrar poder de reação, criando pouco no restante do duelo. O clima de tensão cresceu no Maracanã, já que desanimou a torcida, que esperava uma vitória no jogo que valia a volta à elite do futebol nacional. Precisando vencer, o Icasa se mandava para o ataque e apostava nas jogadas de velocidade para surpreender, mas nada pôde fazer e acabou sem o gol que salvaria a equipe do rebaixamento.