Mais Esportes

Victor Penalber conquista segunda medalha do judô brasileiro no Mundial de Astana

Foi a segunda conquista do Brasil. Antes, Érika Miranda havia terminado em terceiro lugar na categoria até 52kg

Redação Correio 24h
- Atualizada em
O Brasil conquistou mais uma medalha no Mundial de Judô de Astana. Depois da atleta Érika Miranda conquistar o ouro nos 52kg, o carioca Victor Penalber ganhou mais um bronze ao vencer o georgino Avtandili Tchkirishvili, campeão mundial no ano passado. 

Brasileiro conquistou o segundo bronze do Brasil no Cazaquistão (Foto: Divulgação/COB)

Para conseguir a medalha, Victor passou pelo árabe Sergiu Toma, top dez no ranking mundial, por Marlon Acacio, de Moçambique, e Yakhyo Imavov, do Uzbequistão. Nas quartas de final o brasileiro não resistiu e acabou derrotado pelo francês Loic Pietri. Apesar do revés, Victor conseguiu se recuperar na repescagem e depois de vencer Valeriu Duminica, com um ippon, se credenciou para disputar o terceiro lugar.

A medalha conquistada por Victor foi a segunda do Brasil na competição. A primeira foi com Érika Miranda após vencer a a italiana Odette Giuffrida, na categoria meio-leve (até 52kg). Uma das esperanças de medalha do Brasil, a campeã mundial em 2013, Rafaela Silva, perdeu logo na estreia para a Catherine Beachiemin-Pinard.