Fala Bahia

Prefeitura prorroga medidas em bairros e suspensão de aulas

Da Redação (falabahia@redebahia.com.br)
- Atualizada em

Dos 11 bairros sob medidas restritivas e de proteção à vida promovidas pela Prefeitura, apenas Castelo Branco terá as atividades encerradas nesta sexta-feira (31). Com isso, prosseguem por mais sete dias as ações em Nordeste de Amaralina, Águas Claras, Cajazeiras VII, VIII, X e XI e Fazenda Grande I, II, III e IV. 


O anúncio foi feito pelo prefeito ACM Neto nesta quinta-feira (30), durante a entrega da nova Praça Cairu, no Comércio.


Na ocasião, o gestor também informou a prorrogação, por mais 15 dias, dos decretos que não englobam o protocolo conjunto já publicado de retomada das atividades, construído pela Prefeitura e governo do Estado. Ou seja, até 14 de agosto, prosseguem suspensas, por exemplo, as aulas nas redes municipal e particular de ensino e o acesso às praias.


“Estamos acompanhando os dados e a evolução dos números. Não vamos, simplesmente, determinar o fechamento de tudo por determinar. Tudo é feito com critério, embasamento nos gráficos e na análise de todos os mapas. Hoje, não anunciamos novas áreas com medidas mais restritivas, porém, se for necessário, podemos adotar incluir outros locais nos próximos dias”, alertou ACM Neto. 


Ações regionalizadas – Nos bairros com ações de isolamento mais rígidas, os comércios formal e informal devem permanecer fechados, independentemente do tamanho da área. Apenas atividades essenciais podem funcionar, a exemplos de supermercados, padarias, delicatessens, farmácias, açougues, estabelecimentos que utilizam o sistema de delivery (sem retirada no local) e serviços de saúde.


As medidas também envolvem ações de proteção à vida, com distribuição de cestas básicas para trabalhadores informais e entidades sociais que atuam na região, e de máscaras de proteção para a comunidade. Ainda são oferecidos testes rápidos para detecção do coronavírus, medição de temperatura, higienização de ruas, ações de combate ao mosquito Aedes aegypti e assistência social através do Cras Itinerante.