Fitness

Alimentação saudável: Saiba quais são as cinco cores que devem estar no seu prato

Cores auxiliam no reconhecimento da qualidade dos vegetais

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Quando um prato está bastante colorido é comum se comentar que ele está bonito. Mas, além disso, ele também provavelmente é bem saudável. Isso porque as cores auxiliam no reconhecimento da qualidade dos vegetais. Os pigmentos são sim importantes para o organismo. Confira abaixo quais cores é preciso ter no prato para manter uma alimentação saudável.

Branco: Aqueles alimentos esbranquiçados protegem o organismo dos radicais livres, pois são fontes de flavonoides. A maçã, por exemplo, entra nesse grupo, pois o que vale é a polpa, além da pera, couve-flor, banana e gengibre.

Roxos: O roxo indica presença de antocianina, um fitoquímico que auxilia no controle do colesterol, na prevenção da obesidade na luta contra tumores. Uva, amora, açaí e berinjela são exemplos desse grupo.

Verdes: Alimentos com pigmentos verdes ajudam a derrubar o risco de problemas nos olhos e entupimento nos vasos. São eles: couve, espinafre, rúcula e alface, por exemplo.

Vermelhos: Formado por melancia, pimentão, goiaba e tomate, esse grupo ajuda a baixar o colesterol e afastar os cânceres de próstata e mama.

Laranja: Alimentos com tons amarelados ou laranjas possuem substâncias que são convertidas em vitamina A no corpo e, assim, preservam a visão. Por exemplo: cenoura, damasco, tangerina, laranja, abóbora e mamão.