Fitness

Comece hoje: sucessos fitness da internet dão dicas motivacionais

Exemplos de perseverança e superação, cinco mulheres comuns que viraram celebridades web, dão dicas fitness para inspirar os mais desanimados

Tatiane Sacramento (tatiane.sacramento@portalibahia.com.br)
As musas fitness que ficaram famosas por meio de suas redes sociais mostram como as pessoas podem se inspirar para dar o  ponta pé inicial e começar uma rotina fitness focada em resultados.  Entre os nomes Bella Falconi, a musa do abdômen trincado e Gabriela Pugliesi que possui mais de 600 mil seguidores.
1. Bella Falconi possui mais de 800 mil seguidores no instagram. Para a musa o importante é estabelecer metas e planejar cada etapa para que o resultado seja alcançado. Para a musa é importante começar e não parar no meio do caminho e, principalmente, querer muito alcançar aquele resultado, que pode ser alcançado em poucos meses, basta ter constância e consistência.
2. Gabriela Pugliese que já foi gordinha na adolescência diz que os resultados estão relacionados com a força de vontade. Ela que acordou sempre às 4:45,para malhar e estar no escritório às 8h. Diz que sempre deu um jeitinho de treinar e até a cadeira do escritório servia de apoio para fazer abdominal. 
3. Para Mimis, que perdeu 33 quilos, ao 36 anos, não briga mais com a balança. A dica é estar disposta a mudar. Tem que ter uma mudança de hábitos e não somente na mudança focada em uma dieta. É preciso colocar atividades físicas na rotina, praticando de 3 a 4 vezes por semana.
4. Para a cirurgiã-dentista, Deborah Amorim Thomaz começou a se exercitar após uma desilusão amorosa. Com o término do relacionamento, ela engordou 15 quilos e a partir daí resolveu focar no emagrecimento por incentivo de uma amiga que a levou para correr uma maratona de 10 quilômetros. Se apaixonou pela modalidade. Há 1 ano descobriu um câncer de mama e as atividades físicas conjugadas à alimentação mudou sua rotina e agora faz parte de sua recuperação e tem dado certo. Para ela antes de qualquer coisa, qualquer mudança no físico, é preciso modificar a cabeça e pedir ajuda a profissionais, em especial educadores físicos. 
5. Para a promotora de justiça Gabriela Mansur, de 39 anos e mãe de três filhos, a dica é bem objetiva para quem quer correr: treinar pela manhã. Para quem não gosta de correr, basta caminhar, segundo ela. E explica que ao correr ou caminhar é importante conecta-se a coisas boas e desconetar de tudo, respirar e promover um encontro com Deus. Se não gostar de correr, outras modalidades são indicadas por Gabriela, como yoga, dança e pilates. "Experimentar coisas novas pode motivar", explica.