Fitness

O inverno ajuda ou atrapalha no emagrecimento?

Realizar exercícios físicos e controlar as quantidades de alimentos ingeridos também são estratégias importantes para quem deseja perder peso e cuidar da saúde

Laila de Freitas*
- Atualizada em

Chegamos à metade do inverno e tem gente ainda esperando a próxima estação para começar a perder peso. Será mesmo que essa é a melhor estratégia? Pois lhe garanto que não. Estamos na estação mais promissora para quem deseja perder uns quilinhos. E como fazer isso em meio às preparações calóricas como chocolates quentes?

Primeiro você terá a ajuda do seu metabolismo. Isso mesmo. A “preguiça” que chega junto com o inverno é muito mais um fator psicológico do que físico. Na verdade, nosso metabolismo no frio fica mais acelerado, porque o corpo precisa gastar mais energia para manter-se aquecido e garantir a temperatura corporal ideal. A queima calórica nesse período pode aumentar em até 10% em comparação ao resto do ano.

Mas contar só com o metabolismo não é suficiente, você precisa fazer boas escolhas alimentares durante a estação. Sim, existe também uma influência entre as alterações climáticas e a composição corporal. O preço de alguns alimentos considerados saudáveis como frutas, legumes e vegetais, por exemplo, pode ficar incrivelmente mais caro em situações climáticas extremas, limitando o acesso da população a esses alimentos.

Priorizar os alimentos regionais e da época são consideradas medidas alternativas por serem, nutricionalmente falando, mais benéficas e baratas. Abusar de preparações mais quentes com esses alimentos é uma boa opção. Invista em chás, sopas e cremes. O chocolate quente pode ser feito com cacau em pó e leite desnatado: vai ajudar no controle das calorias e, pelo cacau ser considerado um alimento termogênico, ou seja, ativador do metabolismo contribui para uma queima ainda maior de gordura.

Na hora de preparar as sopas, usar os legumes e as verduras batidos para engrossar o caldo evita a necessidade de adição de creme de leite ou massas, opções que deixam a preparação mais calórica. Realizar exercícios físicos e controlar as quantidades de alimentos ingeridos também são estratégias importantes para quem deseja perder peso e cuidar da saúde.


Laila Freitas é é Nutricionista Clínica, Estética e Esportiva, Especialista em Docência no Ensino Superior Especialista em Nutrição Clínica na Obesidade e Estética (UNEB) e Especialista em Fitoterapia (IPGS)*