FLICA

Dança, música e poesia: Primeiro dia de Fliquinha encanta crianças e adultos

Espaço dedicado ao público infantil apresentou homenagem a Mãe Stella de Oxóssi

Lucas Mascarenhas* (lucas.mascarenhas@redebahia.com.br)
- Atualizada em

A Fliquinha, espaço infantil da Festa Literária Internacional de Cachoeira, recebeu nesta quinta-feira (24), atrações que levaram dança, música e poesia para os pequenos leitores.


Para abrir o evento, o grupo Cachoeirano “Raízes do Ébano”, realizou uma apresentação com dança e poesia. O estudante Lucas dos Santos, de 14 anos, faz parte do grupo e mostrou entusiasmo ao participar da Flica.

Foto: Eli Cruz / Divulgação

"É uma grande honra participar de um evento desse porte na cidade de Cachoeira, que é uma cidade histórica e ponto turístico e essa época é a época em que mais pessoas visitam, onde podemos mostrar nossos talentos”, disse.

Liderados pela professora Romélia Santos, o grupo tem como objetivo contribuir para a valorização da Cultura Negra na cidade de Cachoeira.

"O Raízes do Ébano é um grupo que trabalha com o pertencimento étnico-racial para as crianças se reconhecerem. Ele surgiu quando percebi na sala de aula que as crianças não se reconheciam, quando falava da cor da pele, elas não se aceitavam, então eu decidi trabalhar na elevação da autoestima dessas crianças”, explica a mestra.

Foto: Lucas Mascarenhas / iBahia

Pela tarde, o escritor e ilustrador Eneas Guerra, participou de um bate-papo descontraído com a mediadora Mira Silva, nome carimbado na Fliquinha.

Na ocasião, Mira fez uma homenagem a Mãe Stella de Oxóssi, ao fazer a leitura do livro “A Ialorixá e o Pajé”, história escrita pela própria Mãe Stella e ilustrada por Guerra.

Foto: Lucas Mascarenhas / iBahia

Em mais um momento de bate-papo, o autor Peter O’Sagae conversou com as crianças sobre poemas e suas inspirações para escrever.

A Fliquinha ainda contou com espetáculos infantis,  apresentação de palhaços e conversas com as autoras Ramiro Naka e Renata Fernandes.

* Sob supervisão e orientação do editor-chefe Rafael Sena.