Gastronomia

Açaí é fonte de nutrientes e dá energia, mas não deve ser misturado com doces

Para quem se exercita, o açaí é um grande aliado, tanto antes quanto depois do treino

Evelin Azevedo, da Agência O Globo
- Atualizada em

Consumido em grande parte do Brasil, o açaí tem diferentes formas de ser consumido, a depender do Estado. Na Região Norte do país, por exemplo, ele é servido em forma de caldo e consumido em refeições como café da manhã e almoço. Já pelo Rio de Janeiro, é mais fácil encontrá-lo congelado. Seja como for, é sempre uma grande fonte de energia e nutricional.


— Devido a sua composição nutricional, o açaí apresenta inúmeros benefícios, como o aumento da longevidade e o auxílio na saúde imunológica, neurológica e intestinal, além de contribuir para a integridade óssea — lista Marcela Maltez, professora do curso de Nutrição da Unisuam.

O açaí, por si só, já é muito calórico. Misturar a polpa da fruta com xarope de guaraná e outros produtos doces como caldas, leite em pó e chocolate faz o alimento se tornar prejudicial à saúde. O ideal é consumi-lo puro ou com frutas.

— É importante salientar que essas calorias em excesso, denominadas calorias vazias, não irão trazer benefício algum para o nosso organismo, serão depositadas em forma de gordura em nosso corpo e atrapalharão o funcionamento adequado dele, que gastará muito mais energia e hormônios para fazer a metabolização da glicose em excesso, dificultando a absorção dos nutrientes — alerta a nutricionista Alessandra Teixeira, especialista em saúde pública.

Para quem se exercita, o açaí é um grande aliado, tanto antes quanto depois do treino. — O açaí é uma ótima opção de alimento para os atletas e os praticantes de atividade física porque tem uma gordura boa que ajuda a aumentar o HDL (colesterol bom), ajuda o sistema cardiovascular e é uma excelente fonte de energia. Uma dica para os praticantes de atividade física, no pré ou no pós-treino, é fazer uso associado com uma boa fonte de proteína. Muita gente coloca leite em pó, mas eu acho muito mais interessante consumir com o Whey Protein ou uma proteína vegetal — diz o nutrólogo Lucas Costa.