Gastronomia

Fera Palace Hotel completa dois anos e lança novo restaurante

O Lina, como foi batizado o novo espaço, promete fazer um resgate, com forte identidade baiana, da cozinha clássica brasileira

Redação iBahia
- Atualizada em

Celebrando dois anos de operação em Salvador neste mês de outubro, o hotel Fera Palace comemora lançando um novo restaurante. O Lina, como foi batizado o novo espaço, promete fazer um resgate, com forte identidade baiana, da cozinha clássica brasileira. Destacado no emblemático cenário do Centro Histórico de Salvador, o Lina se torna uma vitrine visual e sensorial do conceito de hospitalidade do Fera, reforçando o compromisso de ligação cultural com o local onde ele está instalado.

Proprietário do hotel, Antonio Mazzafera vê na chegada do Lina e nas demais mudanças em outros espaços do hotel o início de um novo momento valorizando ainda mais a terra que abraçou seu projeto. “É um merecido reconhecimento, ao nosso modo, à riqueza cultural baiana. É também a concretização da nossa missão de proporcionar experiências singulares para ficar na memória daqueles que nos visitam”, disse o empreendedor.

O já famoso bar do lounge, na cobertura do hotel, passa a se chamar Bar de Todos os Santos, também com novo cardápio. Os cardápios do Lina e do Bar de Todos os Santos têm a assinatura da premiada chef mineira Manuelle Ferraz. Proprietária do conhecido restaurante A Baianeira, em São Paulo, incluído na lista Bib Gourmand do Guia Michelin, Manuelle também abriu no início de outubro seu novo restaurante no Museu de Arte de São Paulo, o MASP.

“Para mim, só se consegue qualidade quando há proximidade. Por isso é muito inteligente da parte do hotel fazer isso, trazer o popular, o resgate de tradições para um ambiente sofisticado. Visualmente também tudo muda com a chegada do Lina. Espaços como o Mercado Modelo e a Feira de São Joaquim foram fontes não só de inspiração, mas também de elementos e ingredientes que estão presentes no novo espaço. Quem chega ao Lina tem a clara sensação de estar mesmo na Bahia”, explica a chef.