Gastronomia

Outback acrescenta hambúrgueres vegetarianos no cardápio

Lançamento foi uma resposta a muitos pedidos que a rede recebia tanto pelas redes sociais

Letycia Cardoso, da Agência O Globo

O restaurante Outback Steakhouse anunciou neste mês três opções de pratos vegetarianos, disponíveis a partir do dia 28 de janeiro: o Veggie Blue Cheese Burger, hambúrguer vegetariano a base de brócolis, couve flor e queijo gorgonzola, coberto por um mix de queijos derretidos e servido com molhos de gorgonzola e Barbecue Ranch, alface, tomate, picles de pepino em um pão macio tipo brioche, que irá custar R$ 43; o Jack Nachos, aperitivo de tortillas de milho servidas com feijões pretos, tomate, repolho roxo, carne vegetariana (jaca desfiada e preparada com o tradicional tempero da casa) e molho Cheese Ranche, que vai sair por R$ 42; e o Veggie Bites, almôndegas vegetarianas de berinjela defumada e temperadas com o famoso bold flavour Outback e servidas com barbecue ranch, também por R$42.

O lançamento foi uma resposta a muitos pedidos que a rede recebia tanto pelas redes sociais, quanto pelo canal Fale Conosco. Segundo o Outback, as opções vegetarianas devem ganhar novas companhias em breve.

— Recebemos relatos apaixonados de clientes que amam a culinária do Outback, mas mudaram seus hábitos de consumo e queriam que oferecêssemos pratos veggie. Estamos felizes de conseguir atender mais essa demanda dos nossos clientes e fortalecer a conexão que temos com eles — relatou a diretora de marketing do Outback Brasil, Renata Lamarco.


O Burger King foi a primeira rede de fast-food a trazer um hambúrguer vegetariano para seu cardápio fixo, em outubro de 2015. O Veggie Burger é feito com empanado à base de batata, shimeji, shitake e recheio de queijo derretido, contendo, ainda, a famosa maionese BK, queijo em fatias, alface, tomate e cebola, fechados por um pão integral. Seu combo, com batata média e refil, está disponível a partir de R$24,90. Em 2018, foram vendidas aproximadamente um milhão de unidades desse hambúrguer, o que representou aumento de 30% em relação a 2017.

De acordo com o diretor de Vendas e Marketing do Burger King Brasil, Ariel Grunkraut, a percepção pelo maior interesse por alimentação vegetariana foi a principal razão da alteração no cardápio, já que em abril do ano passado, segundo pesquisa do Ibope, 14% da população brasileira se identificou como vegetariana, o que representa um aumento de 5% em relação a 5 anos atrás.

Já o Mc Donalds incorporou, em novembro do ano passado, a linha Signature a seu menu, com os sanduíches McVeggie e Duplo Veggie, compostos por ingredientes tipicamente brasileiros, entre eles o principal: queijo coalho empanado, acompanhado de molho de pimenta biquinho, cebola caramelizada, alface crespa, tomate, cenoura ralada e maionese no pão tipo brioche. Os valores sugeridos para estes recentes lançamentos são a partir de R$21,90 para McVeggie e R$25,90 para o Duplo Veggie.

Segundo o diretor Sênior de Marketing do McDonald’s Brasil, João Branco, a rede de fast-food, historicamente, tem uma cultura de se adaptar para garantir a experiência positiva dos clientes ao visitar os restaurantes. Outro ponto que tem se tornado prioridade para a marca é a saúde, por isso realizaram alterações nos produtos, que incluíram a redução do sódio, açúcar e calorias em nossos principais ingredientes e também do teor de gordura da carne dos hambúrgueres, cuja carne é 100% bovina, sem acréscimo de qualquer outro ingrediente em sua composição, além de ser preparada na chapa sem adição de óleo e temperada apenas com pouco sal e pimenta.

— Temos uma variedade de cardápio para oferecer produtos que atendam diferentes necessidades em diferentes ocasiões de consumo. Por exemplo, no café da manhã, sanduíche com ovos ou pão de queijo e café; para o snack, ter um smoothie feito 100% a base de fruta; para o almoço, além do sanduíche, uma opção de uma saborosa salada com ou sem carne — completou.