Gastronomia

Prática e nutritiva: conheça as vantagens da farinha de linhaça

Alimento se destaca por conter diversos nutrientes indispensáveis para o organismo

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Alimentos ricos em fibras são essenciais para um bom funcionamento do organismo. Prova disso é a farinha de linhaça, que pode ser usada no preparo de omeletes, pães, biscoitos, panquecas e até vitaminas. Ela se destaca por conter diversos outros nutrientes indispensáveis para o corpo: minerais, aminoácidos, antioxidantes e gorduras boas que deixam a saúde em equilíbrio. E para ajudar a entender melhor esses benefícios, o portal Taeq listou as principais vantagens desse alimento.

Antes de tudo, é importante destacar que essa iguaria pode ser encontrada em dois tipos principais: farinha de linhaça dourada e marrom, que são bem nutritivas e se diferenciam principalmente pelo processo de produção (levando em conta que a dourada é cultiva em climas mais frios). E, apesar de terem algumas diferenças em aspectos nutricionais, ambas fornecem vitaminas, minerais, fibras e outras substâncias importantes. Confira os principais benefícios da linhaça:

1. Ajuda no processo de perda de peso

A farinha de linhaça pode auxiliar de forma significativa no processo de perda de peso. Por conter fibras e ácidos graxos insaturados, ela é capaz de ajudar a prevenir processos inflamatórios, concede mais saciedade e contribui para o bom funcionamento do metabolismo - o que é essencial para a queima de gordura corporal. Uma boa dica é consultar uma nutricionista para saber a melhor forma de incluir essa farinha na dieta.

2. Faz bem para a saúde do coração

Por ter um alto teor de ômega 3 (e outras gorduras boas), a farinha de linhaça é uma grande aliada da saúde do coração. Quando inserida no dia a dia, ela ajuda a controlar o colesterol (diminuir os níveis de LDL e aumentar os de HDL), a pressão arterial e protege o sistema cardiovascular como um todo - prevenindo doenças cardíacas a longo prazo.

3. É fonte de vitamina A e agentes antioxidantes

A farinha de linhaça também ajuda a manter a saúde da pele e a imunidade. Isso porque ela tem um alto teor de vitamina A e agentes antioxidantes (compostos fenólicos) que combatem a ação dos radicais livres. A vitamina A, para quem não sabe, também é indispensável para a saúde da visão - pois previne possíveis problemas nos olhos (como degeneração macular ou machucados na córnea).

4. Tem alto teor de lignanas 

A farinha de linhaça fornece uma boa quantidade de lignanas, que são substâncias fenólicas que atuam neutralizando o estrógeno e contribuem para o controle dos hormônios. Por conta disso, as lignanas são consideradas grandes aliadas contra o câncer. A linhaça, para quem não sabe, é a principal fonte dessas substâncias e deve fazer parte, principalmente, da dieta de mulheres - uma vez que ajuda a aliviar os sintomas da TPM, da menopausa e a garantir mais equilíbrio ao organismo.

5. Linhaça é rica em fibras dietéticas

Importantes para o bom funcionamento do intestino e do sistema de defesa do corpo, as fibras dietéticas devem fazer parte da dieta de todos. A boa notícia é que a farinha de linhaça é uma fonte importante desses nutrientes. As fibras alimentares, assim como as lignanas e substâncias antioxidantes, também apresentam ação anti-câncer e têm papel fundamental para a perda de massa gorda.