Juntos Pela Prevenção

Bahia amplia capacidade de testagem no estado, que já realizou mais de 26 mil testes

Processo de descentralização promovido pelo governo aumenta condição de testagem no interior da Bahia

Especial de Conteúdo

Oferecimento
Um dos processos mais importantes no combate ao novo coronavírus é o monitoramento de novos casos e o consequente diagnóstico da doença. É necessário identificar pacientes infectados para evitar uma rede de transmissão. Por isso, o Governo da Bahia tem adotado medidas para ampliação da testagem da covid-19 em todo o estado. 

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) adquiriu o genoma viral do Covid-19 nos Estados Unidos, o que permite a realização de testes no estado, sem a necessidade de contraprova no laboratório de referência nacional, a Fiocruz no Rio de Janeiro.

Foto: Divulgação / GOV BA

Recentemente, um processo de descentralização promovido pelo governo está equipando mais cinco cidades do interior baiano para a realização dos testes. Vitória da Conquista, Barreiras e Jequié já começaram a fazer testes para o novo coronavírus

Porto Seguro e Guanambi também receberão as máquinas capazes de realizar a testagem.

Nas duas cidades, são 30 amostras testadas de segunda a sexta-feira, com resultados informados em até 72 horas. A capacidade dessas unidades será ampliada nas próximas semanas para 90 exames por dia. Já em Jequié, a capacidade é de realizar até 1.080 exames por mês, sendo referência para casos graves e óbitos da região. Já os exames de rotina continuarão indo para a capital.

Lacen

Em Salvador e em todo estado, o Lacen é o principal laboratório de testagem da covid-19, com capacidade de 1000 diagnóstico por dia, com funcionamento 24 horas por dia, inclusive nos finais de semana, e já realizou mais 26 mil testes desde março. 

É através do Lacen que laboratórios da rede privada são validados para testagem da covid-19. Estão aptos a realizarem testes com a validação do Estado da Bahia as redes Leme, DNA, Jaime Cerqueira, Senai-Cimatec e Hospital São Rafael. Os municípios alcançados por esses laboratórios validados são Salvador, Itabuna, Santo Amaro, Itabuna, Lauro de Freitas e Camaçari.

Testes rápidos

No último dia 14, a Sesab passou a aceitar testes rápidos positivos para notificação da covid-19. De acordo com o secretário da pasta, Fábio Villas-Boas, “diante de um resultado positivo de teste rápido ou RT-PCR, a notificação deve ser feita imediatamente pelas instituições de saúde do setor público ou privado, em todo o território nacional”.

Segundo documento elaborado pela Sesab, os testes rápidos precisam possuir registro na Anvisa e ser validado pelo Instituto Nacional e Controle e Qualidade em Saúde (INCQS).

No Sistema Único de Saúde (SUS), os testes ocorrerão em cinco situações: pacientes internados com suspeita de coronavírus, independente da gravidade; pacientes com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG); profissionais de saúde com síndrome gripal suspeitos de Covid-19 ou que tenham tido contato com casos confirmados de coronavírus, mesmo que assintomáticos; pacientes que foram a óbito com suspeita de Covid-19, cuja coleta não pôde ter sido realizada em vida; e em indivíduos institucionalizados durante investigação de surtos da doença.

Já os testes rápidos, que detecta os anticorpos, deve ser utilizado em pacientes com quadro clínico-epidemiológico compatível com a Covid-19; profissionais de segurança pública e de saúde em atividade, independente de sintomas; contato domiciliar de profissional de saúde ou de segurança pública em atividade, independente dos sintomas; pessoas com 60 anos ou mais, sintomáticos ou não, residentes em instituições de longa permanência de idosos ou portadores de comorbidades de risco para complicação da Covid-19.