Juntos Pela Prevenção

Bahia investe em criação de novos leitos para tratamento da covid-19

Ampliação dos leitos acontece na capital e em outras regiões do estado, como sul da Bahia

Especial de Conteúdo
- Atualizada em

Oferecimento
O Governo da Bahia segue trabalhando para evitar o colapso do sistema de saúde no Estado durante a pandemia do novo coronavírus. Além das medidas de restrição implantadas nos últimos dois meses, o governo investe na criação de novos leitos para tratamento da covid-19. 


Atualmente, o estado possui um total de 2967 leitos, sendo 1594 leitos clínicos (1537 adultos e 57 pediátricos) e 1379 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (1332 adultos e 41 pediátricos).

Foto: Carol Garcia / GOV BA

Salvador

Hospital Geral Ernesto Simões Filho (HGESF)

No último dia 7, o Hospital Ernesto Simões recebeu dez novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Com isso, o hospital conta hoje com 39 leitos de UTI e 50 leitos de enfermaria, todos especializados para tratamento de pacientes contaminados pelo novo coronavírus. 

Hospital do Subúrbio

No mês de maio, o Hospital do Subúrbio ganhou 20 novos leitos de UTI para pacientes infectados pelo vírus, atendendo aqueles que forem encaminhados via Central de Regulação e oriundos de diversas partes da Bahia.

Hospital Espanhol

O Hospital Espanhol foi reaberto com 220 leitos instalados, sendo 140 de UTI e 80 clínicos. 

Hospital Santa Clara

O Hospital Santa Clara, que estava fechado e pertence à rede privada, foi requisitado pelo Governo para reforçar o atendimento aos pacientes com a covid-19. A unidade conta com 59 leitos clínicos, sendo 50 de enfermaria e nove de UTI. 

Hospital de Campanha Arena Fonte Nova

Está prevista também para o fim do mês a inauguração do hospital de campanha na Arena Fonte Nova, que vai contar com 100 leitos de terapia intensiva e 140 leitos de internamento em enfermaria, instalado na área dos camarotes da arena. O espaço será o maior hospital de campanha do Estado.

Feira de Santana

Feira de Santana, segunda maior cidade do Estado, ganhará 40 novos leitos de UTI exclusivos para o tratamento da covid-19. De acordo com o secretário de saúde da Bahia, Fábio Villas-Boas, a previsão é que a estrutura fique pronta no período de um mês.

A nova unidade possui 8.000 m², em três pavimentos. 

Sul da Bahia

O investimento em novos leitos para frear o avançado do novo coronavírus acontece também na região sul. O governo anunciou a criação de 110 novos leitos de UTI no sul da Bahia, em cidades como como Ilhéus, Itabuna, Uruçuca, Coaraci e Gongogi.

Hospital Regional do Cacau (HRCC), Ilhéus

O Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), no último dia 12, ganhou mais 10 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), em sua ala Covid-19, local exclusivo para tratamento de pacientes infectados pelo novo coronavírus. Anteriormente, o hospital já havia inaugurado outros 10 leitos de UTI e 18 de enfermaria, totalizando 38 leitos hospitalares para atendimento. 

Centro de Convenções de Ilhéus

O governo entregou uma Unidade de Atendimento Covid-19 com 22 leitos no Centro de Convenções de Ilhéus para acolher pacientes suspeitos de infecção. 

Hospital de Ilhéus e Hospital São José

Há também disponibilidade de 10 leitos de UTI no Hospital de Ilhéus. A cidade aguarda ainda o credenciamento de mais 13 leitos no Hospital São José e outros 30 na montagem de um hospital de campanha. 

Hospital Calixto Midlej e Hospital Manoel Novaes, Itabuna

Em Itabuna, a Santa Casa de Misericórdia oferece 10 leitos para adultos no Hospital Calixto Midlej, três leitos infantis de UTI no Hospital Manoel Novaes, além de 40 leitos clínicos.

Instituto Brandão de Reabilitação

No Instituto Brandão de Reabilitação, em Vitória da Conquista, foram adquiridos mais 30 leitos exclusivos para o atendimento ao coronavírus, sendo 10 de UTI e 20 clínicos.

Hospital das Clínicas

Local possui que se juntarão aos 40 leitos dedicados ao tratamento da covid-19.


Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC)

O Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC) também oferta leitos exclusivos à Covid-19. Ao todo 45 leitos serão abertos progressivamente, sendo 21 de UTI.