Meu Primeiro Apê

É possível montar um lindo quarto de bebê sem gastar muito; confira dicas

Muita gente tem o sonho de decorar um lindo quarto para o filho ou filha, mas pode esbarrar no alto custo da reforma

Especial de Conteúdo


Oferecimento
A chegada de um bebê muda a vida dos pais em diversos aspectos, seja pela nova rotina, pela preocupação, pela questão financeira. E o novo membro da família também requer uma atenção especial no apartamento, no espaço que ele vai ocupar nos primeiros anos de vida. Muita gente tem o sonho de decorar um lindo quarto para o filho ou filha, mas pode esbarrar no alto custo da reforma. Por isso, daremos dicas de como montar um ambiente fofo e aconchegante sem gastar muito. Confira:

O primeiro passo é fazer um check list das necessidades do quarto do bebê. Analise se você vai precisar pintar, consertar janelas, trocar piso, mexer na parte elétrica ou hidráulica. Com esse planejamento, você evitará gastar mais do que o necessário.
Foto: Reprodução / Instagram Quarto de Bebê
Em quartos de bebê, a cor da parede se torna um item importantíssimo. Isso porque muitos pais optam por papéis de paredes com temáticas infantis, mas estão também escolhendo as opções mais caras. Para baratear, a dica é abri mão das estampas e escolher alguma cor dentro do vasto universo das tintas ou até mesmo papéis de paredes lisos.
 
Os brinquedos e personagens do universo infantil podem ser explorados na decoração. Uma boa dica é investir em decorações que podem ser modificadas com facilitada, como adesivos, quadros e prateleiras.

Na hora de escolher os móveis, opte por aqueles que têm mais de uma função. Por exemplo, um berço que vire minicama ou um aparador com espaço para ser um trocador também. Pode ser que esses itens saiam mais caro no início, mas evitará novas compras no futuro.

Entre os móveis, pode parecer difícil, mas dispensar o armário é uma opção que vai baratear a reforma. Lembre-se que as roupinhas do bebê são pequenas e cabem tranquilamente nas gavetas de uma cômoda. O guarda-roupa só se faz indispensável quando seu filho estiver maior.

Por fim, pode usar e abusar do DIY - Do It Youserlf, ou Faça Você Mesmo, em tradução livre. É possível colocar a mão na massa e fazer itens de decoração, como os quadros, para deixar o ambiente ainda mais fofo e economizar.