Moda e Beleza

Adeus flacidez vaginal: entenda o procedimento de rejuvenescimento íntimo

Especialista garante que o resultado já pode ser visto nas primeiras sessões

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Sofre com falta de lubrificação, flacidez ou desconforto na relação sexual? De acordo com a ginecologista Ana Cristina Batalha, sócia da clínica EMEG, essas situações acontecem naturalmente com o passar dos anos, por diversos fatores. Mas, tudo isso tem "cura", o rejuvenescimento íntimo.

O envelhecimento vaginal por ser associado a diminuição da lubrificação, as alterações hormonais, a  redução na produção de estrógeno pelos ovários que acontece, principalmente, na menopausa, ou pela perda de elasticidade devido à diminuição da produção de colágeno.

Foto: divulgação / rewos

Ana Cristina Batalha explicou que o rejuvenescimento pode ser feito com laser."O tratamento é simples e estimula a produção do colágeno promovendo o preenchimento. A pele é reconstruída, tanto interna quanto externamente, sem cortes ou sangramentos”, conta a médica.

As principais disfunções que podem ser tratadas com o laser são: desconfortos causados pelas dores durante a relação sexual, incontinência, infecção urinária, ressecamento vaginal, falta de elasticidade e a síndrome do relaxamento vaginal.

A especialista garante que o resultado já pode ser visto nas primeiras sessões e são necessárias de 4 a 6 no total, dependendo do caso. Após a sessão, a paciente pode fazer suas atividades normalmente.



Os tratamento a laser, como o peeling íntimo, que elimina as células mortas e camadas superficiais da pele da vagina, podem ter diversas finalidades conforme a necessidade da paciente. Serve também para procedimentos como a diminuição do pequeno lábio.