Moda e Beleza

Afro Fashion Day: estilistas falam de influência africana na moda baiana

O evento, que comemora o Dia Nacional da Consciência Negra, acontece no dia 20, na praça da Cruz Caída

Livia Montenegro
- Atualizada em


Cores, brilhos e estampas são alguns dos elementos que vão representar as raízes africanas e suas influências na moda baiana durante o Afro Fashion Day. O evento, que reunirá também arte, música e dança para comemorar o Dia da Consciência Negra, na próxima sexta-feira, conta com a participação de 26 estilistas que buscam nesta cultura tão plural a inspiração para suas criações. Alguns  vão criar peças especiais para o evento. Outros vão lançar até coleções.




A Kelba Deluxe tem colares em cristais e muranos. Já Jeferson Ribeiro leva à passarela sua linha masculina com a coleção Mar (Foto: Alex Dantas/Divulgação)


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O design de moda Renato Carneiro utiliza a estética da matriz africana na criação de peças femininas e masculinas para a marca Katuka. Para o desfile coletivo, que acontecerá a partir das 18h30, na Praça da Cruz Caída (Pelourinho), ele prepara novidades. “Pensei que seria importante criarmos elementos que demonstrassem o colorido e a silhueta da vestimenta tradicional dos afros. Por isso, destaco nesta coleção, preparada especialmente para comemorar a data, a utilização dos tecidos que têm, na maioria, fundo preto e sobre ele uma verdadeira explosão de cores”, conta.

Kelba Varjão, designer e criadora da marca Kelba Deluxe, vai lançar a coleção Verão 2016 no desfile. “Usamos os guipir bordados e tule de flores, rosas e buquês sob muitos cristais, muranos e miçangas, tudo absolutamente texturizado e exageradamente colorido”, diz. Os colares, pingentes e brincos que vão compor os looks dos modelos negros terão ênfase em cores como amarelo, verde, anil e violeta, onde predominam o uso dos cristais entre metais dourados, ouro velho e níquel.

Convidados, como os cantores Magary Lord e Denny  e Ninha, vão desfilar no evento, que terá também peças do designer Vinicius Cerqueira, que pontua a iniciativa como inovadora e fundamental para um diálogo aberto no mundo da moda. “Criamos a coleção AFRICANROAD, com roupas e acessórios que unem conforto ao minimalismo. As cores, formas e padronagens são os principais diferenciais dessa cultura que nos inspira diariamente”, completa.




A Katuka usou tecidos africanos para sua linha. Já a coleção de Vinícius Cerqueira tem roupas e acessórios 
(Foto: Alex Dantas/Divulgação) 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O estilista Jeferson Ribeiro apresenta itens com foco na união do artesanal com o tecnológico. “Estamos sempre preocupados com a qualidade e o design das peças, então buscamos uma produção pequena e numerada, refletindo o desejo feminino de se sentir única”, revela.

Na ocasião será lançada sua nova marca masculina, a Mar, voltada para moda praia. “Usamos tecidos leves, como o linho, na construção de peças pensadas para o homem contemporâneo. É uma felicidade trazer essa novidade no Afro Fashion Day, onde o mundo da moda estará muito bem representado”.

O Afro Fashion Day  é uma realização do jornal CORREIO com apoio institucional da prefeitura municipal de Salvador, do governo do estado, através da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi), e do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). A programação começa às 15h com oficinas de turbantes e maquiagem e feira de manufaturas e gastronomia. A entrada é franca.

Correio24horas