Moda e Beleza

Aprenda a escolher a calça e a blusa ideal para o seu biótipo corporal

De acordo com a consultora de moda Lenna Carvalho, conhecer o seu corpo vai fazer toda diferença na escolha dos looks, que enfatizem ou disfarcem determinadas regiões

Lívia Oliveira (livia.oliveira@redebahia.com.br )

Na hora de se vestir, seja para o dia a dia ou para uma ocasião especial, a calça jeans e a camiseta podem ser grandes aliadas. Mas você precisa escolher os modelos que atendam ao seu biótipo corporal. De acordo com a consultora de moda Lenna Carvalho, conhecer o seu corpo vai fazer toda diferença na escolha dos looks, que enfatizem ou disfarcem determinadas regiões. 

A especialista explica que existem cinco biótipos corporais femininos - ampulheta, triângulo, triângulo invertido, oval e retangular - e apresenta dicas de calças e blusas para cada um deles. Confira: 

Foto: reprodução / HELLO MAGAZINE

1- Formato ampulheta: ombros e quadris na mesma linha, as curvas são suaves e proporcionais ao resto do corpo. O ponto forte deste formato é a cintura fina. "Esse formato combina com quase todos os modelos. Podem apostar em blusas com volume nas mangas e em calças que marcam e valorizam a cintura", aconselha Lenna. 

Evitar: peças muito largas, blusas muito curtas e calças de cintura alta e muito (Skinny/cenoura).

2- Formato triângulo ou pêra: um corpo com quadris mais largos que os ombros e cintura fina. Normalmente, mulheres com esse biótipo tem coxas grossas, bumbum grande e seios pequenos ou médios. Para equilibrar, precisaremos dar volume na parte superior disfarçando a largura dos quadris.

"Devem usar blusas estampadas e com brilho, casacos até o quadril e manga princesa. Na parte inferior, vamos preferir tons mais escuros. A calça pantacourt é uma forte aliada, pois traz a evidência para os tornozelos. Calças flare e bootcut também equilibram o volume do quadril", acrescenta. 

Evitar: bolsos volumosos, calças justas e camisas de punhos chamativos.

3- Formato triângulo invertido: ombros e costas mais largos e os quadris mais estreitos. Para esse formato, o ideal é dar volume ao quadril para deixar o resto proporcional. 

"Na parte superior devem usar blusas com decote em V, sem volume nos ombros. Podem também abusar da calças clochard, flare e das pantalonas, que chamam atenção para a parte de baixo, de preferência peças claras e com detalhes nos bolsos", recomenda a consultora. 

Evitar: blusas com mangas bufantes, com babados ou brilho, gola canoa e calças skinny.

4- Formato oval: medida da cintura ultrapassa a medida dos ombros e/ou quadris. Para valorizar o look, vale chamar a atenção para os seios e ombros. "Na parte superior podem usar e abusar de decores V e U, blusas com mangas ¾  e/ou com alças largas, com altura até a metade do quadril. Já na parte inferior opte por calças reta e flare, preferencialmente, peças que possuem elastano em sua composição". 

A especialista ainda indica que o ideal é que a cintura da calça seja média (nem alta, nem baixa). Outra orientação para arrasar no look é dobrar um pouquinho a barra na calça.

Evitar: tecidos volumosos, calças e blusas muito largas.

5- Formato retângulo ou reto: ombros e quadris são praticamente da mesma medida, assim como a cintura. "O segredo para equilibrar esse formato corporal é marcar a cintura com as blusas ajustadas na cintura e soltinhas no quadril. Pode apostar nas blusas com babados e pregas, que dão a ideia de volume. Na parte inferior deve-se preferir calças pantalonas, com pregas e bolso faca (cintura intermediária)", indica. 

Evitar: blusas de gola alta e calças de cintura alta. 

Lenna Carvalho também reforçou que é importante o gosto da mulher na escolha das peças. "Depende de como ela se sente. Sempre parto do princípio que as peças estão à disposição e a gente tem que se sentir bem vestindo", finaliza. 

Fonte: Lenna Carvalho - formada em relações públicas e consultoria de moda. Diretora da By Lenna - moda feminina, que fica localizada no Shopping Paseo Itaigara.