Moda e Beleza

Cinco brechós online para ser mais sustentável

Confira uma lista com brechós confiáveis, que formulam inspirações de looks e cliques para o Instagram e, de quebra, que vendem para todo o Brasil

Vanessa Brunt e Rafaela Fleur, do site Não Óbvio


Qualidade e preço bom? A união pode estar a apenas um clique de distância. Com curadorias cuidadosas, os brechós online são uma alternativa dinâmica e sustentável para quem quer consumir roupas e acessórios de forma consciente. Confira uma lista com brechós confiáveis, que formulam inspirações de looks e cliques para o Instagram e, de quebra, que vendem para todo o Brasil. Confira dicas para todos os gêneros e estilos.

Sabe aquela máxima de que, às vezes, o barato sai caro? Não há como discordar em muitos casos, mas existem algumas exceções. Os brechós, em geral, é uma delas. Ao optar por comprar roupas e acessórios de segunda mão, não é impossível misturar economia e qualidade.

Além disso, não é difícil de ouvir por aí que roupas acumulam energias e que, muitas vezes, limpar o armário renova ciclos na vida. Independente das crenças, é fato que ter um objeto que acumula histórias pode ser ainda mais poético e com os próprios bons ares de quem está aderindo o item para uma renovação.
Foto: reprodução
Ainda existe o detalhe de que, adquirindo roupas em ciclos feitos como nos brechós, você está colaborando com a sustentabilidade global, já que a moda continua no posto de segundo lugar como a principal vilã da poluição. De quebra, ainda é possível colaborar mais entrando em contato com os locais e desapegando também de peças próprias.

As opções são inúmeras e é bem provável que, mesmo com uma coisa bem específica em mente, seja possível de encontrar o que está procurando – isso se não esbarrar em algo ainda mais interessante.

Para quem ainda tem receios, vale lembrar que, assim como todos os empreendimentos, os brechós evoluíram. Esqueça aquele aspecto bagunçado, cheio de poeira e com cheiro de mofo. Na verdade, é o contrário: eles estão online, a um clique de distância e com um cuidado ainda maior em diversos aspectos.

Famosos no ramo, Enjoei e Repassa são bons exemplos de como o comércio de segunda mão tem dado certo. Mas como nada do que já é óbvio cabe por aqui, o NÃO ÓBVIO foi atrás de sites menores, porém, igualmente confiáveis. Confira dicas para todos os gêneros e estilos:

1. Boutique São Paulo | Apenas feminino
Foto: divulgação
Desde 2015, a Boutique São Paulo fomenta o comércio sustentável, porém, sem perder autenticidade. Todas as peças disponíveis no site passam por curadoria e processos de higienização, que resultam em roupas e acessórios únicos, cheios de estilo e muito bem cuidados.

Apesar do foco principal para as roupas, o site é dividido entre as categorias principais de roupas, acessórios, bordados e sapatos (tem até óculos transparente). Dentre as opções, além de produtos mais básicos – como calças jeans e camisetas –, estão também peças elegantes e estruturadas, como calças de alfaiataria, blazers oversized e looks com paetê – tudo isso, quase sempre, por menos de R$ 100.

☌ Acompanhe também no Instagram.
☌ Com entregas para todo o Brasil.

2. Garimpário | Unissex
Foto: divulgação
Basta entrar no site da Garimpário para perceber que o negócio vai muito além de um brechó. É uma mega loja online, para público unissex (conceito que está sendo cada vez mais quebra e, ainda bem) e com direito a uma comunicação visual facilmente elogiada.

Além de vender a peça, todas já aparecem em meio à looks criativos para ajudar e inspirar na hora da compra. Quer mais? Ainda tem um blog cheio de reflexões bacanas para aproveitar. Os preços variam muito (e alguns já são mais salgados, indo para perto de R$ 200), mas tem opções para todos os gostos.

Das bandanas e gorros até mochilas e colares, as possibilidades de acessórios são diversas. O mesmo acontece com as roupas, que vão de leggings a coletes e de casacos a regatas, sempre com grandes recheios de opções.

Com muita cor, no Instagram a loja ainda posta cliques de detalhes aleatórios para inspirar na composição de imagens para a rede. Desde o foco em um sapato até flores na rua que poderiam ficar bem ao lado de look: são diversas as possibilidades para ficar de olho para além dos produtos disponíveis.

☌ Acompanhe também no Instagram.
☌ Com entregas para todo o Brasil.

3. Clube Retrô | Unissex (mais masculino)
Foto: divulgação
Mais focado em moda masculina, o Clube Retrô é um brechó recente, criado ainda no início de 2019, e que usa o Instagram como vitrine única. Camisas, coletes, calças, bermudas e casacos são apenas algumas das opções de roupas que podem ser encontradas nas opções.

Os preços, em geral, ficam entre R$ 30 e R$ 60 para cada peça. Mas as possibilidades não param somente nas vestimentas. Bag stripes e tênis são outras opções que já aparecem nos itens disponíveis.

As peças vão dos estilos mais despojados, como camisas de manga com furos, até o básico jeans e as camisas sociais.

☌ A marca faz entregas para todo o Brasil e todos os atendimentos são feitos via DM no Instagram.

4. Brechó D4 | Apenas feminino
Foto: divulgação
Com quase 50 mil seguidores e 800 postagens no Instagram, o brechó D4 – que tem a rede social como vitrine única –, já tem espaço garantido no coração de muita gente.

As postagens, realizadas diariamente, já vêm com o looks completos e conseguem inspirar até mesmo quem não tem lá muita paciência para caprichar nas produções. É possível também comprar as peças individualmente.

Os preços quase nunca ultrapassam os R$ 100 (para cada item). Em geral, os valores ficam entre R$ 30 e R$ 50. Vale seguir e ficar acompanhando diariamente as atualizações.

☌ Envios para todo o Brasil e com calculadora de frete já fixada no perfil.

5. Penny Lane | Apenas feminino
Foto: divulgação
Curte um estilo rocker? Ou grunge? Prefere algo mais básico ou corre atrás das tendências do momento (para testar e ter mais autoconhecimento)? Seja qual for o seu desejo, tem de tudo na Penny Lane – incluindo muitos sapatos baixos e calças mais folgadinhas para quem quer conforto acima de tudo.

Com preços amigos, é possível encontrar vestidos por R$ 19, suéter por R$ 35 e bota por R$ 50. Os produtos são atualizados quase todos os dias e nunca faltam peças bacanas para desejar. Para quem mora em São Paulo, eles tem loja física na Galeria Augusta (Box 20).

Acessórios como brincos, colares, pochetes, boinas, chapéus e cintos também não ficam de fora. O bacana é que a marca ainda prepara ideias de looks completos para inspirar no Instagram, mesmo que as peças possam ser vendidas separadamente.

☌ Vendas para todo o Brasil.

Extras! Para quem busca brechós que contam também com itens de decoração, uma dica é conferir o Tanlup. E para quem curte moda vintage, a dica fica para dar o clique no @caixavintage. E, ainda tem mais: para quem mora em São Paulo e não quer apenas opções de brechós online, o @brechorebajas fica perto da conhecida rua Pinheiros e traz diversas opções que ajudam na moda sustentável.

*Conteúdo em parceria com o site Não Óbvio