Moda e Beleza

Para causar no Carnaval: veja dicas para ter o cabelo curto iluminado

Balayage, Baby Lights e Ombré Hair fazem parte das opções que ilustram o universo das mechas

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Quer mudar o visual? Aposte em um cabelo curto iluminado para causar no Carnaval e no verão. Balayage, Baby Lights e Ombré Hair fazem parte das opções que ilustram o universo das mechas. Mas, antes de escolher um estilo de mecha vale consultar um profissional visagista para saber o que se adequa melhor ao rosto da cliente e comprimento dos fios.

Para o hairstylist e colorista Bruno Oliver, do Oliver Salon, o cabelo curto é uma moda que veio para ficar. "Hoje em dia ter cabelo curto é sinônimo de estilo. São inúmeras opções de cortes que a cliente pode escolher na hora de mudar o visual, contudo é importante que o profissional responsável estude as características da cliente antes de fazer o corte, ou seja, fazer o visagismo", explica o hairstylist.

Foto: Oliver Salon / divulgação
Iluminar os cabelos curtos é uma tendência que cada vez ganha mais espaço no mercado beauty. De acordo com o especialista, iluminar os fios curtos é uma forma de dar mais volume e densidade ao cabelo. "Fazer mechas em fios curtos traz mais textura, volume e densidade ao cabelo. Usar técnicas como balayage e baby lights podem fazer o cabelo curto iluminar o rosto e dar mais sutileza ao colo da mulher", diz Bruno.

Para o hairstylist, a técnica ombré hair também faz parte das mais pedidas de quem possui cabelo curto e pretende mudar o visual. "O ombré hair tem como objetivo principal fazer uma transição de cores, causando o efeito de degradê dos fios. Essa técnica faz sombras, iluminando pontos específicos do cabelo", fala o colorista.

Com a extensa variedade de cores, é possível que a cliente escolha ainda a coloração das mechas. "Tons de dourado, white chocolate e castanho iluminado são algumas das tonalidades mais pedidas por mulheres que possuem cabelo curto. Para saber qual coloração se adequa mais aos fios é importante que a cliente converse com o profissional para ver qual tonalidade mais conversa com o tipo de cabelo em questão", conclui Oliver.