Moda e Beleza

Tempo de reaproveitar: veja como usar bem seu armário nesse réveillon

Consultora de estilo dá dicas de como se vestir em diferentes ocasiões para a virada do ano

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

É comum ver as pessoas quererem novas roupas para passar a virada do ano. Com um traço supersticioso, usar uma roupa nova para um ano novo pode significar mudança de ares e de rumos para alcançar os objetivos. No entanto, não é necessário seguir essa máxima.

Para Danielle Kono, consultora de estilo e sócia do Brechó Agora é Meu, a máxima ‘ano novo, roupa nova’ não cabe mais no atual cenário econômico e social. “A moda circular está em alta, ajuda o planeta, é mais barata e democrática. Além disso, é possível garimpar as peças que já existem e dar uma cara nova usando a criatividade”, argumenta.

Foto: Reprodução

A especialista separou dicas para usar o guarda-roupa da maneira mais apropriada de acordo com a ocasião em que você passará o seu réveillon. “Salto alto na praia, por exemplo, nem pensar. Durante o dia, modere no brilho e não exagere na maquiagem”, destaca. Confira abaixo as dicas de Danielle.

Na praia
Invista em sandálias rasteiras. Os modelos com amarração no tornozelo em cores cintilantes, como prata e dourado estão em alta. Os vestidos de tricô também são boas opções, mas quem não tem a peça no armário pode usar um de algodão, que é leve, confortável e nunca sai de moda. E para dar um toque mais elaborado, basta abusar dos acessórios. “Um mix de colares com pedras coloridas cai super bem. Os brincos com elementos simbólicos, como búzios ou figas são tendências e têm tudo a ver com a data. Além da bolsa de palha com alça longa que também é “trend” e arremata bem o look com saia ou vestido”, recomenda.

Festa fechada
Se a comemoração for em um salão ou casa noturna, os saltos estão liberados. “Sandálias com salto bloco em cores cintilantes estão na moda e podem ser usadas com vestidos longos, peças de renda, blusas com manga bufante ou saias de paetê.  As cores dourada, prata e rose estão em evidência”, enumera a consultora de estilo. Em locais fechados e durante a noite, o brilho é permitido e a maquiagem pode ser mais ousada.

Na casa de amigos ou familiares
O ideal é adotar um estilo mais casual. Um salto ou mule podem cair bem, dependendo do estilo da roupa. “A minha aposta para incrementar o visual, sem  fugir do estilo cool, é a terceira peça, um maxi colete, por exemplo, que ajuda a valorizar o look”, orienta a profissional. Shorts de algodão, modelo clochard ou de cintura alta também são boas opções. Vestidos curtos ou na altura do joelho sem manga ou de manga curta, segundo ela, garantem o conforto em uma produção bacana. “A recomendação geral é dar preferência às peças frescas, sem muito brilho. O gran finale fica novamente por conta dos acessórios, como os brincos de argolas e os pingentes”, finaliza.