Mundo

18 anos após desaparecimento, cadáver de jovem é encontrado no congelador da irmã

A vítima tinha cerca de 23 anos quando desapareceu sem deixar pistas em 2000

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

A Croata Jasmina Dominic, estudava na capital Zagreb, quando desapareceu misteriosamente em 2000. Sua família só procurou a polícia cinco anos após o desaparecimento da jovem, pois segundo os parentes, ela afirmava que iria trabalhar em um cruzeiro e morar em Paris.

O que não se esperava é que dezoito anos após o sumiço de Jasmina, seu cadáver iria ser encontrado em um congelador na mesma casa em que morava com a família. 

Quem encontrou o corpo foi o marido de Smiljana, irmã da jovem desaparecida que logo chamou a polícia e denunciou a esposa.

Jasmina Dominic aos 23 anos. Foto: Reprodução
"Presumimos que o corpo encontrado no congelador é o de uma mulher nascida em 1977 e cujo desaparecimento foi relatado em 16 de agosto de 2005", disse um representante da polícia regional a Agência Francesa.

Apesar de aguardarem os resultados da autópsia, detetives acreditam que se trate de um assassinato.