Mundo

Agricultor toma uma medida drástica após ser picado por uma cobra

Ao chegar no hospital, ele percebeu que não precisava ter feito aquilo

Por Fernando Moreira, da Agência O Globo
- Atualizada em

Um agricultor chinês, de 60 anos, tomou uma medida drástica após ser picado por uma cobra. Desesperado, Zhang decepou parte do dedo ferido a fim de evitar que o veneno se espalhasse. O caso aconteceu recentemente na zona rural de Shangyu (província de Zhejiang), de acordo com o "South China Morning Post".

Foto: Reprodução / Weibo

Ao chegar a um hospital em Hangzhou, cidade localizada a 80 quilômetros da residência do chinês, ele descobriu que a serpente não era exatamente a que ele identificara.

Mais do que isso: o paciente não apresentava nenhum dos sintomas daqueles picados por cobras venenosas de alto risco: problemas respiratórios, forte dor de cabeça e sangramento. Na verdade, o veneno da víbora que picara o agricultor é muito fraco, com efeito mínimo sobre humanos. Zhang cortou o pedaço do indicador à toa. E ele não pôde ser reimplantado.

"Não era necessário cortar. Aquela cobra não é tão tóxica", declarou o médico Yuan Chengda, que atendeu Zhang.