Mundo

Boxeador olímpico é acusado de assassinar amante grávida

Segundo o jornal, Felix Verdejo é casado, mas mantinha um caso com Keishla há anos

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

O boxeador Felix Verdejo, que representou o Porto Rico nos jogos Olímpicos de 2012, está sendo acusado de matar a amante grávida. O corpo da vítima foi encontrado em uma lagoa da cidade de San Juan. Ele se entregou à polícia. As informações são do New York Post.

De acordo com o jornal, o atleta é acusado de sequestrar e matar Keishla Rodríguez na última quinta-feira (29). Tanto ele quanto a vítima tem 17 anos. A denúncia foi apresentada ao FBI.

De acordo com a apuração do  New York Post, o boxeador injetou uma seringa com uma substância não identificada na amante e amarrou um bloco pesado ao corpo da jovem. Também há suspeitas que ele atirou contra a jovem após a queda no lago.

Ainda segundo o jornal, Felix Verdejo é casado, mas mantinha um caso com  Keishla há anos. A família disse que o atleta não queria ter o filho, pois considerava que isso poderia ser um prejuízo para a sua carreira e para a vida pessoal.