Mundo

Casal que comprou obra de arte com banana por R$ 490 mil: 'Temos consciência do absurdo'

No entanto, compradores afirmaram se tratar de uma peça "histórica"

Fernando Moreira, da Agência O Globo

Um casal que comprou uma polêmica obra de arte do italiano Maurizio Cattelan, com o título de "Comediante", pelo equivalente a R$ 490 mil (na cotação atual) admitiu o "absurdo" da compra, mas se defendeu afirmando que se trata de uma peça "histórica".

A obra era nada mais que uma banana presa a uma parede com fita adesiva cinza. Cattelan produziu três dela - a mais cara saindo por R$ 610 mil -, todas expostas na galeria Art Basel, de Miami Beach (Flórida, EUA).

Foto: Divulgação/Maurizio Cattelan; Perrotin

"Temos consciência do flagrante absurdo que é o fato de "Comediante" ser uma peça de produto barato e perecível, além de alguns centímetros de fita adesiva. Mas sentimos que a banana de Cattelan vai se tornar um objeto histórico icônico", disse em nota o casal Billy e Beatrice Cox.

Duas semanas atrás, o artista performático David Datuna, nascido na ex-república socialista da Geórgia, surpreendeu os visitantes ao comer uma das obras. Após o "ataque", a banana foi reposta.

Por causa da grande repercussão, a galeria decidiu remover a obra, citando motivo de segurança.