Mundo

Correndo com búfalos, operário indiano 'bate recorde mundial' de Usain Bolt

Srinivasa Gowda cruzou os 100 metros com o tempo de 9s55, contra 9s58 do jamaicano

Fernando Moreira, Agência O Globo
Um operário da construção civil "bateu o recorde mundial" dos 100 metros rasos, que pertence a Usain Bolt. Em competição de corrida em pista de lama com búfalos em região rural de Karnataka (Índia), Srinivasa Gowda cruzou os 100 metros com o tempo de 9s55 (contra 9s58 do jamaicano, marca obtida em 2009). 
Foto: Reprodução
Gowda, de 28 anos, completou os 142 metros da prova em 13s62. De acordo com organização, o indiano, que acompanhava dois búfalos, superou a marca de Bolt ao passar pelos 100 metros.
Kiren Rijiju, ministro do Esporte e da Juventude da Índia, disse no Twitter que autoridades entraram em contato com Gowda e ofereceram a ela treinamento com experientes técnicos de atletismo do país.
Assista abaixo à proeza do indiano:
Nas redes sociais, indianos manifestaram esperança de que Gowda se torne um herói com fama internacional, conquistando medalha olímpica.
"Oh, meu deus! O governo indiano precisa ver a velocidade desse homem", escreveu um usuário do Twitter.
"Esse cara certamente vai nos dar uma medalha de ouro na Olimpíada", afirmou outro.
Shashi Tharoor, congressista que representa Kerala, postou no Twitter:
"Mais rápido de Bolt? Peço que a Associação de Atletismo da Índia cuide desse homem e faça dele um campeão olímpico."
Os elogios, entretanto, aparentemente não mexeram com o corredor.
"As pessoas estão me comparando a Usain Bolt. Ele é um campeão mundial, eu só corro em uma pista de lama", disse Gowda, de acordo com a agência ANI.
Com população de mais de 1 bilhão de habitantes, a Índia é o país com o menor número de medalhas olímpicas per capita do mundo (entre os países que ganharam pelo menos uma medalha): 26 (a maioria no hóquei sobre a grama), nenhiuma delas no atletismo.